Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
26 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56454 )
Cartas ( 21157)
Contos (12576)
Cordel (9978)
Crônicas (22088)
Discursos (3130)
Ensaios - (8877)
Erótico (13329)
Frases (42886)
Humor (18233)
Infantil (3705)
Infanto Juvenil (2521)
Letras de Música (5461)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137744)
Redação (2907)
Roteiro de Filme ou Novela (1053)
Teses / Monologos (2385)
Textos Jurídicos (1918)
Textos Religiosos/Sermões (4620)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->NO CAMINHO DAS ÁGUAS -- 24/05/2004 - 14:34 (João Ferreira) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos




NO CAMINHO DAS ÁGUAS

Giusto Io

24 de maio de 2004





Vivia sereno e tranquilo

Sentia-se um ser terrestre

Orgulhoso e contente de sua ligação telúrica

Convivia com as evidências da condição humana

E participava da euforia de um desenvolvimento sustentado

E também das coordenadas da educação ambiental

E dos projetos que buscavam a qualidade de vida



Em sua casa de campo

Junto à cachoeira do buriti

Observava a vida da natureza

E os embates da água afoita

Percorrendo as pedras

E afundando logo em baixo em queda livre



Ele se projetava nessa água

E sua contínua vontade de caminhar era baseada

Neste símbolo de corrida livre

Tortuosa e perigosa

Em andanças aventurosas até ao mar!



Giusto Io

24 de maio de 2004

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 73Exibido 706 vezesFale com o autor