Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
52 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56825 )
Cartas ( 21161)
Contos (12584)
Cordel (10012)
Crônicas (22151)
Discursos (3132)
Ensaios - (8954)
Erótico (13388)
Frases (43345)
Humor (18383)
Infantil (3751)
Infanto Juvenil (2630)
Letras de Música (5464)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (138024)
Redação (2918)
Roteiro de Filme ou Novela (1053)
Teses / Monologos (2394)
Textos Jurídicos (1923)
Textos Religiosos/Sermões (4766)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->TOMBUCTU -- 18/09/2004 - 17:38 (João Ferreira) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos




TOMBUCTU

Jan Muá

18 de setembro de 2004



Ali é a África

É o deserto místico do marghreb

É a indefinida areia das dunas e do Longe

A outra História

A história móvel dos beduínos e dos dromedários

O metatexto de um grande mundo

Onde se erguem as vozes casuais

Dos manuscritos de Tombuctu

As vozes do infinito mundo das areias e da desolação

A fluidíssima matéria por onde a mente navega e divaga

Buscando a vida que se levanta na voz histórica

Do Alcorão e das mesquitas

Na visualidade dos camisotes muçulmanos

Na arquitetura preciosíssima das fachadas dos templos

E na dureza dos rostos macerados

Dos resistentes humanos

Pontos de interrogação

No contexto nebuloso dos manuscritos

Onde jaz oculta muita sabedoria acumulada

Escondida nas pregas de inumeráveis letras e discursos

Sonorizados no corpo interminável

Do labirinto

Que subjaz na abóbada do tempo.



Jan Muá

Brasília

18 de setembro de 2004

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 73Exibido 700 vezesFale com o autor