Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
34 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56958 )
Cartas ( 21165)
Contos (12592)
Cordel (10049)
Crônicas (22177)
Discursos (3133)
Ensaios - (8978)
Erótico (13390)
Frases (43487)
Humor (18425)
Infantil (3760)
Infanto Juvenil (2652)
Letras de Música (5466)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (138148)
Redação (2919)
Roteiro de Filme ou Novela (1054)
Teses / Monologos (2400)
Textos Jurídicos (1924)
Textos Religiosos/Sermões (4823)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->QUANDO UMA MÃO LAVA A OUTRA -- 09/12/2000 - 10:51 (Márcio Filgueiras de Amorim) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Quando uma mão lava a outra



&
61623; Márcio Filgueiras de Amorim



- Pedrinho! Oi Pedrinho! Psiu, volte aqui!



O menino de 6 anos, meio sem graça, retorna para o banheiro de onde estava saindo. Olha em torno, bem desconfiado, pois julgava estar sozinho.



- Pedrinho, sou eu, a Torneira. Você esqueceu de lavar as mão após ir ao banheiro.



Felizmente, nosso herói, estava naquela idade encantada, em que se conversa com amigos imaginários e objetos falantes são encarados de forma natural.



- Obrigado, Torneira, eu tinha esquecido.



- Lavar as mãos após ir ao banheiro e antes das refeições, evita Verminoses, Diarréia, Cólera e muitas outras doenças, Pedrinho.



Tendo terminado ia nosso amigo, saindo tranqüilamente do banheiro, quando escutou ...



- Você não terminou ainda sua higiene!



Ah! Não! Quem é agora ?



- Sou eu, a Escova de Dente. Você não se lembrou ainda de escovar seus dentes hoje, meu rapaz. Dentes que não se escova, bem direitinho, após as refeições e antes de deitar, facilmente chegarão a ter cárie dentária e você não quer isto, quer ?



- Desculpe-me também Escova de Dente, mas eu queria tanto ir brincar que já ia me esquecendo, de limpar meus dentes, como o dentista me explicou.



- Agora, enfim, vou brincar de carrinho. Pensa alto o menino.



- Hei! Hei! Pedrinho, onde você acha que vai ?



- Quem é agora, meu Deus ?



- Não fique bravo, meu garoto, mas sou eu o Chuveiro. Olhe aqui para cima, por favor. Você esqueceu de tomar seu banho hoje. Você sabe que no corpo sujo, doenças de pele, vão com maior freqüência, aparecer. Micoses, Sarnas, Infecções tudo o que você com certeza não quer ter.



- Está bem, Chuveiro, mas após meu banho estou livre para brincar?



- Certamente, brincar é muito necessário para crianças. Na verdade é brincando que vocês descobrem a vida e o mundo.



Assim nosso pequeno personagem descobriu a importância da higiene. Que ele próprio era competente para cuidar de si. Ou em outras palavras: Que uma mão lava a outra.

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui