Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
79 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 54945 )
Cartas ( 21059)
Contos (12121)
Cordel (9543)
Crônicas (21131)
Discursos (3109)
Ensaios - (9910)
Erótico (13133)
Frases (39899)
Humor (17551)
Infantil (3560)
Infanto Juvenil (2308)
Letras de Música (5414)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135650)
Redação (2874)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2374)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4195)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



wladimir olivier                Poesias Siga o Autor Patrocine o autor
TituloDataHoraAcessos
  MARULHOS POÉTICOS 4 03/03/2005 05:22
  MARULHOS POÉTICOS 3 03/03/2005 05:21
  MARULHOS POÉTICOS 2 03/03/2005 05:16
  MARULHOS POÉTICOS 1 03/03/2005 05:15
  FRATERNIDADE ESPIRITUAL E OUTROS SONETOS 03/03/2005 04:56
  SONETISTAS ANÔNIMOS 03/03/2005 04:41
  UM CASO DE POLÍCIA E OUTROS SONETOS 03/03/2005 04:29
  FAGULHAS, SÓ FAGULHAS 03/03/2005 04:26
  SEXTILHAS E COMPANHIA 03/03/2005 04:18
  SONETOS E MAIS SONETOS 03/03/2005 04:09
  FRENTE E VERSO 03/03/2005 03:22
  SÓ SEXTILHAS 02/03/2005 06:52
  TRÊS POETAS DA PESADA 02/03/2005 06:34
  ENFIM, A CAMINHO! E MAIS 180 SONETOS 02/03/2005 06:11
  E A? E OUTROS 156 SONETOS 01/03/2005 14:03
  À LUZ DE VELA 01/03/2005 13:27
  LAMENTOS POÉTICOS SEM SAUDADE 01/03/2005 13:16
  NHÔ TONICO 28/02/2005 15:08
  FLAGRANTES DE ALEGRIA 28/02/2005 15:02
  FLAGRANTES DE ALEGRIA 19/02/2005 08:45
  À LUZ DA VELA: 4, 5, 6. 16/02/2005 15:11
  1. Minha proposição 2. Da qualidade do texto 3. O poeta é 15/02/2005 14:00
  24. VERSOS DE DEVEDOR 09/03/2004 07:22
  23. CONTRA-SENSOS 08/03/2004 07:28
  22. O DOM DA PROFECIA 07/03/2004 08:34
  21. O ESFORÇO DA DISCIPLINA 06/03/2004 08:04
  20. O BENFEITOR E O APRENDIZ 05/03/2004 08:36
  19. TRILOGIA 04/03/2004 07:31
  18. EVOLUÇÃO INCOERCÍVEL 03/03/2004 06:49
  17. TEMA UNIVERSAL 02/03/2004 07:50
  16. PRECE DE SOFREDOR 01/03/2004 06:11
  15. A CRÍTICA DO AUTOR 29/02/2004 06:40
  14. EM FAVOR DOS OUTROS 28/02/2004 06:36
  13. VÁRIA 27/02/2004 06:16
  12. O DEVER DE TODOS 26/02/2004 07:22
  11. A PACIÊNCIA 25/02/2004 07:50
  10. DEVAGAR SE VAI AO LONGE 24/02/2004 09:33
  9. PALAVRAS DE INCENTIVO 23/02/2004 07:30
  8. REFLEXÕES NO UMBRAL 22/02/2004 07:43
  7. “RELAX” 21/02/2004 06:10
  6. OS DEFEITOS E AS VIRTUDES 20/02/2004 07:54
  5. O MEU COMPADRE 19/02/2004 08:56
  4. GOZOS DO MAIS-ALÉM 18/02/2004 07:45
  3. TREINAR É TAMBÉM TRABALHAR 17/02/2004 07:06
  2. COM JESUS E COM KARDEC 16/02/2004 06:01
  1. DE VOLTA AO TREINAMENTO (Início de POEMAS MODESTOS) 15/02/2004 06:33
  31. MENSAGEM FINAL de OS FRUTOS DE NOSSOS RAMOS 14/02/2004 07:27
  30. CORRENTE DE AMOR 13/02/2004 07:33
  29. O INÍCIO DA MISSÃO 12/02/2004 08:18
  28. NO CORPO 11/02/2004 07:46
  27. VIVER PERFEITO 10/02/2004 07:33
  26. EM PAZ 09/02/2004 06:16
  25. MINHA ÚLTIMA VIDA 08/02/2004 08:12
  24. AS AÇÕES INSTINTIVAS 07/02/2004 08:58
  23. PERANTE AS DIFICULDADES 06/02/2004 07:59
  22. UM FRACASSADO 05/02/2004 07:59
  21. A CONDUTA 04/02/2004 07:11
  20. A POESIA COMO PROVA 03/02/2004 07:52
  19. INTIMIDADE RESPEITOSA 02/02/2004 08:13
  18. ALGUMAS RECOMENDAÇÕES 01/02/2004 07:30
  17. O APOIO ESPIRITUAL 31/01/2004 08:47
  16. O PRINCIPIANTE 30/01/2004 08:06
  15. SEM TEMPERO 29/01/2004 07:33
  14. POR FAVOR, ACREDITE 28/01/2004 07:28
  13. MINUTO DE GLÓRIA 27/01/2004 08:14
  12. FRAGMENTO(1) 26/01/2004 07:19
  11. NO LIMIAR DA LUZ(1) 25/01/2004 08:26
  10. COMENTÁRIOS PESSOAIS 24/01/2004 06:54
  9. LEVE ESTUDO DO ORGULHO 23/01/2004 07:58
  8. CÍRCULOS SEM VÍCIOS 22/01/2004 06:53
  7. A ESPADA E O ESCUDO 21/01/2004 07:41
  6. O TRABALHO SE COMPARTILHA 20/01/2004 07:09
  5. PARA TER MEDIUNIDADE 19/01/2004 09:38
  4. AOS MÉDIUNS 17/01/2004 08:02
  3. ALGUMAS ORIENTAÇÕES 16/01/2004 07:42
  2. PARA FAZER A CABEÇA 15/01/2004 07:17
  1. PRIMEIRA INCURSÃO (Início de OS FRUTOS DOS NOSSOS RAMOS) 14/01/2004 06:57
  41. DECLARAÇÃO FINAL 13/01/2004 06:13
  40. NA BATIDA DOS OCTOSSÍLABOS 12/01/2004 07:35
  39. FELIZ REALIZAÇÃO 11/01/2004 07:32
  38. TRABALHAR É PRECISO 10/01/2004 07:57
  37. O PRÓXIMO PATAMAR 09/01/2004 07:21
  36. NOSSO NÍVEL EVOLUTIVO 08/01/2004 08:38
  35. SOU INFERIOR 07/01/2004 08:35
  34. FUZARCA E SERIEDADE 06/01/2004 06:31
  33. ANÁLISE DO DITADO POÉTICO 05/01/2004 09:08
  32. RECADO DE SOFREDOR 04/01/2004 08:45
  31. CANTIGAS DE BENDIZER 03/01/2004 08:37
  30. TIRO CERTEIRO 02/01/2004 07:27
  29. “RAP” ESPIRITUAL 01/01/2004 07:06
  28. A RAZÃO DESTES VERSOS 31/12/2003 09:50
  27. ARREPENDIDO 30/12/2003 07:45
  26. O BÊBADO E O ESPÍRITA 29/12/2003 11:20
  25. CÍRCULOS SEM VÍCIO 28/12/2003 12:02
  24. FRÁGEIS BOLHAS 27/12/2003 11:05
  23. ESPERANÇOSO 26/12/2003 09:08
  22. UM RAIO DE FELICIDADE 25/12/2003 07:47
  21. VERSOS TACANHOS 24/12/2003 09:59
  20. TREINANDO OS OCTOSSÍLABOS 23/12/2003 10:11
  19. CONSELHOS DE QUEM SOFREU 22/12/2003 07:42
  18. EPIGRAMAS 21/12/2003 07:53
  17. AOS CRIMINOSOS 20/12/2003 08:59
  16. RIMAS DE JOÃO-NINGUÉM 19/12/2003 07:14
  15. CONFIANÇA EM DEUS E AUTOCONFIANÇA 18/12/2003 07:49
  14. O PESO DE UM NOME 17/12/2003 06:33
  13. SEM ILUSÕES 16/12/2003 08:33
  12. O ADORNO PERFEITO 15/12/2003 07:36
  11. DA AMIZADE E DO AMOR 14/12/2003 07:15
  10. “PEGANDO DE LEVE” 13/12/2003 08:59
  9. TREINO SUBSTANCIOSO 12/12/2003 06:43
  8. PREOCUPAÇÃO COM OS VERSOS 11/12/2003 06:45
  7. TREINAMENTO INSÓLITO 10/12/2003 07:19
  6. PARA A AFLIÇÃO DO MÉDIUM 09/12/2003 07:59
  5. RECOMENDAÇÕES EVANGÉLICAS 08/12/2003 09:54
  4. IDEAL SOCORRISTA 07/12/2003 06:20
  3. POESIA DÁ TRABALHO 06/12/2003 08:18
  2. TEMORES DO AUTOR 05/12/2003 06:33
  RIMAS DE JOÃO-NINGUÉM (Poesia mediúnica) 1. OS COMPROMISSOS 04/12/2003 06:39
  36. O TRABALHO PROSSEGUIRÁ (Fim de VERSOS PERVERSOS — IV) 03/12/2003 08:20
  35. INJUNÇÕES DO PIONEIRISMO 02/12/2003 06:36
  34. ANUNCIANDO A DESPEDIDA 01/12/2003 07:31
  33. A TRINTA POR HORA 30/11/2003 06:47
  32. ENEASSÍLABOS TOSCOS 29/11/2003 09:02
  31. SEM REFORMAS 28/11/2003 06:18
  30. SEM VAIDADE 27/11/2003 06:47
  29. AFASTEMOS O FANTASMA 26/11/2003 07:19
  28. DUALIDADE DA ALMA 25/11/2003 06:37
  27. DIANTE DO INIMIGO 24/11/2003 07:09
  26. SONHO DE MONGE 23/11/2003 07:33
  25. IMPRESSÕES DE VIAGEM 22/11/2003 07:54
  24. COM BOA VONTADE 21/11/2003 06:34
  23. CENSURA AO DINHEIRO 20/11/2003 06:24
  22. JUVÊNCIO METRIFICA 19/11/2003 08:31
  21. ESTAVA PERTO E EU NÃO VIA 18/11/2003 06:45
  20. OCTOSSÍLABOS RÁPIDOS 17/11/2003 09:00
  19. VERSOS FELIZES 16/11/2003 06:26
  18. ENQUANTO OS POETAS NÃO VÊM 15/11/2003 07:46
  17. SURREALISMO SOBRENATURAL 14/11/2003 06:34
  16. POEMA PREOCUPADO CONSIGO MESMO 13/11/2003 06:41
  15. AURAS ROXAS 12/11/2003 06:29
  14. AMEAÇAS À DONA POÉTICA 11/11/2003 06:36
  13. AO CORRER DA PENA 10/11/2003 07:09
  12. PONDO AS MANGUINHAS DE FORA 09/11/2003 05:58
  11. SEM BURILAMENTO 08/11/2003 10:04
  10. DISSECANDO OS VERSOS 07/11/2003 06:58
  9. SAUDADE DE VERSEJAR 06/11/2003 06:34
  8. INTEGRAÇÃO COM O MÉDIUM 05/11/2003 07:36
  7. A HORA DA MORTE 04/11/2003 06:37
  6. VERSOS ZOMBETEIROS 03/11/2003 09:03
  5. TESTANDO AS LICENÇAS POÉTICAS 02/11/2003 08:32
  4. À BUSCA DE REDENÇÃO 01/11/2003 08:13
  3. TREINAMENTO APURADO 31/10/2003 06:26
  2. EXPLICITANDO A PROPOSTA 30/10/2003 06:41
  1. A PROPOSTA 29/10/2003 09:48
  VERSOS PERVERSOS — IV (TREINAMENTO POÉTICO-MEDIÚNICO) 29/10/2003 09:46
  34. ALGUMA POESIA AFINAL (Fim de VERSOS PERVERSOS III) 28/10/2003 06:33
  33. CHICÓRIA OU REPOLHO? 27/10/2003 06:59
  32. SEM CRIATIVIDADE 26/10/2003 09:24
  31. OS POETAS CAPRICHAM 25/10/2003 06:49
  30. TARDE MEMORÁVEL 24/10/2003 06:48
  29. A HORA SE APROXIMA 23/10/2003 06:56
  28. DE GALINHAS E DE OVOS 22/10/2003 06:46
  27. TREINO E VIDA EM FAMÍLIA 21/10/2003 06:33
  26. PERSISTÊNCIA 20/10/2003 08:20
  25. VASO VAZIO 19/10/2003 11:09
  24. TARDE FACEIRA 18/10/2003 06:07
  23. PAINEL DESTA POESIA 17/10/2003 07:02
  22. SIMPLESMENTE 16/10/2003 07:10
  21. TEMA INVARIÁVEL 15/10/2003 06:18
  20. O TREINO SE APERFEIÇOA 14/10/2003 06:49
  19. ALGUNS VERSOS BATUTAS 13/10/2003 08:41
  18. O QUE OLHAS TU? 12/10/2003 07:18
  17. ACALMANDO O MÉDIUM 11/10/2003 07:26
  16. O QUE RIMA COM DOR 10/10/2003 06:46
  15. VERSOS SEM POESIA 09/10/2003 06:26
  14. DEVAGAR SE VAI AO LONGE 08/10/2003 07:14
  13. TARDE QUASE VAZIA 07/10/2003 06:57
  12. A MISSÃO DE PEDRO 06/10/2003 07:32
  11. COM ALGUM ESMERO 05/10/2003 07:48
  10. UM POUCO MELHOR 04/10/2003 07:32
  9. COM CASCA E TUDO 03/10/2003 06:39
  8. MÍNIMO PROGRESSO 02/10/2003 10:44
  7. COISAS DE PRINCIPIANTE 01/10/2003 07:12
  6. VALE A INTENÇÃO? 30/09/2003 06:42
  5. PROSA METRIFICADA 29/09/2003 08:04
  4. EM VARIEGADA MÉTRICA 28/09/2003 08:40
  3. PASSOS OBRIGATÓRIOS 27/09/2003 07:34
  2. DO PRÓPRIO TRABALHO 26/09/2003 06:42
  1. O MELHOR DOS FRUTOS 25/09/2003 06:48
  VERSOS PERVERSOS — III (TREINAMENTO POÉTICO-MEDIÚNICO) 25/09/2003 06:39
  41. À GUISA DE DESPEDIDA (final de Versos Perversos II) 24/09/2003 06:59
  40. QUANTO À ACEITAÇÃO DO TRABALHO 23/09/2003 06:48
  39. TRABALHO MENOS BRANDO 22/09/2003 06:58
  38. AS TROVAS DOS NOVIÇOS 21/09/2003 07:04
  37. O MÉDIUM TEM OUTRO COMPROMISSO 20/09/2003 07:44
  36. QUADRAS MANQUITOLAS 19/09/2003 06:46
  35. PRENÚNCIO DA DESPEDIDA 18/09/2003 06:43
  34. IMPRESSÃO DE IMPROVISO 17/09/2003 08:38
  33. NA ROTA BATIDA 16/09/2003 06:57
  32. VERSOS EM QUADRINHOS 15/09/2003 08:45
  31. “ÉLAN” MÉTRICO 14/09/2003 06:44
  30. SERIEDADE POÉTICA 13/09/2003 06:26
  29. RIMAS CORDATAS 12/09/2003 08:05
  28. A PERFEIÇÃO ESTÁ NO AMOR 11/09/2003 06:51
  27. A SENHA 10/09/2003 07:07
  26. INDIGESTÃO MÉTRICA 09/09/2003 06:48
  25 VENCI? 08/09/2003 08:01
  24. A NATUREZA DO DITADO 07/09/2003 07:39
  23. DE RIMAS E CLIMAS 06/09/2003 07:34
  22. SEMI-ALFABETIZADO 05/09/2003 06:46
  21. PARA O MÉDIUM IRRITADO 04/09/2003 06:41
  20. “INSIGHT” 03/09/2003 08:37
  19. OBSESSORES? 02/09/2003 06:54
  18. DO BATISMO 01/09/2003 09:01
  17. TREINO VALIOSO 31/08/2003 06:59
  16. DESESTIMULADO 30/08/2003 07:50
  15. CHEIO DE PRESSA 29/08/2003 06:41
  14. O POETA É UM SOFREDOR 28/08/2003 07:57
  13. EM DIA DE MUDANÇA 27/08/2003 08:16
  12. DE MACACOS E DE GALHOS 26/08/2003 06:55
  11. SER HERÓI 25/08/2003 07:40
  10. ORIENTAÇÕES DO GUIA 24/08/2003 07:06
  9. NO DIA DO “IMPEACHMENT” 23/08/2003 07:23
  8. VÁRIOS TEMAS 22/08/2003 08:22
  7. DESLANCHE FINAL 21/08/2003 06:57
  6. O MÉDIUM SE ESPERTA 20/08/2003 07:44
  5. TAREFA ROTINEIRA 19/08/2003 06:26
  4. AUMENTA A FACILIDADE 18/08/2003 06:07
  3. QUATRO PARA TÃO POUCO 17/08/2003 07:35
  2. FUTURISMO AMEAÇADO 16/08/2003 07:28
  1. O RELACIONAMENTO COM O MÉDIUM 15/08/2003 08:33
  VERSOS PERVERSOS — II - TREINAMENTO POÉTICO-MEDIÚNICO 15/08/2003 08:32
  32. PERFAZ-SE A QUOTA - Fim de Versos Perversos I 14/08/2003 07:46
  31. PACIÊNCIA, FÉ, PERSEVERANÇA E AMOR 13/08/2003 10:27
  30. CACOS DE POESIA 12/08/2003 06:14
  29. DANDO TRELA 11/08/2003 07:38
  28. RIMAS PSICOGRÁFICAS 10/08/2003 09:43
  27. TEMA INVARIÁVEL 09/08/2003 08:03
  26. VONTADE DE ACERTAR 08/08/2003 06:42
  25. ACABRUNHADOS 07/08/2003 08:24
  24. TESTES MÉTRICOS 06/08/2003 08:11
  23. ATREVIMENTOS 05/08/2003 06:42
  22. SEM GRILO 04/08/2003 10:23
  21. BANHO DE ÁGUA FRIA 03/08/2003 20:30
  20. JESUS E A FORMIGA 02/08/2003 06:25
  19. CONTE COMIGO 01/08/2003 06:50
  18. MISCELÂNEA 30/07/2003 07:49
  17. NERVOS DE AÇO 30/07/2003 07:45
  16. PARA O ESPÍRITO CRESCER 29/07/2003 11:13
  15. CANTO DE PARDAL 29/07/2003 11:08
  14. CHORAMINGANDO 27/07/2003 09:03
  13. CRESCEM PENAS ÀS ASAS 26/07/2003 08:22
  12. EXERCÍCIOS DE COMPLETAR QUADRAS 25/07/2003 08:19
  11. EM POUCO TEMPO 23/07/2003 19:32
  10. DOIS GALOS NA RINHA 23/07/2003 11:09
  9. COM ESPERANÇA 22/07/2003 08:59
  8. VERSOS EM PROFUSÃO 21/07/2003 12:55
  7. ESCANDIR, RIMAR, MEDIR 21/07/2003 12:51
  6. BRINCAR COMO SOLUÇÃO 19/07/2003 08:07
  5. O AMARGOR DO FEL 18/07/2003 07:56
  4. EM QUINTA MARCHA 17/07/2003 06:20
  3. TIROS P’RA TODO LADO 16/07/2003 07:16
  2. CARACTERIZA-SE O TREINAMENTO 15/07/2003 07:17
  1. COMECEMOS COM JESUS 14/07/2003 06:39
  VERSOS PERVERSOS I INÍCIO DO TREINAMENTO POÉTICO-MEDIÚNICO 14/07/2003 06:33
  46. FIM (de JUVENAL SOCORRE GUALBERTO) 13/07/2003 06:40
  45. PEQUENA PRECE.; FORTE REPERCUSSÃO 12/07/2003 07:25
  44. DEIXANDO-SE IR 11/07/2003 08:12
  43. AFABILIDADE 10/07/2003 07:45
  42. DIÁLOGO INSÓLITO 09/07/2003 07:38
  41. PEDIU E RECEBEU 08/07/2003 09:15
  40. SONHANDO ACORDADO 07/07/2003 07:01
  39. O CALOR AUMENTA E DIMINUI 06/07/2003 07:50
  38. RETIDO 05/07/2003 06:55
  37. QUANDO A ESPERTEZA É MUITA 04/07/2003 08:01
  36. A REPRIMENDA 03/07/2003 08:51
  35. A PRIMEIRA REUNIÃO 02/07/2003 07:00
  34 A APRESENTAÇÃO 01/07/2003 07:35
  33. MAIS DO QUE DA BOCA PARA FORA 30/06/2003 07:23
  32. HESITANTE, AFINAL 29/06/2003 10:50
  31. A ALTERNATIVA 28/06/2003 09:42
  30. A PROPOSTA 27/06/2003 08:18
  29. O INÍCIO DOS ESTUDOS 26/06/2003 08:21
  28. POR NÃO OUVIR 25/06/2003 07:42
  27. O SENTIMENTO DAS INTENÇÕES 24/06/2003 09:52
  26. VISLUMBRE SALVADOR 23/06/2003 05:16
  25. SITUAÇÃO CRÍTICA 22/06/2003 06:08
  24. A LÁBIA DO INFELIZ 21/06/2003 07:13
  23. DIANTE DOS INIMIGOS 20/06/2003 07:26
  22. COMEÇA UM PASSEIO 19/06/2003 08:00
  21. REAÇÃO 18/06/2003 07:34
  20. SEM PROVOCAÇÃO 17/06/2003 06:59
  19. TESTE INCONSISTENTE 16/06/2003 06:43
  18. UMA BRISA AGITA AS FOLHAS 15/06/2003 07:51
  17. IMPOTÊNCIA ORGÂNICA 14/06/2003 07:19
  16. A DERROTA COMPROVADA 13/06/2003 06:52
  15. ENTRE AMIGOS 12/06/2003 06:45
  14. A ESPERANÇA SUSPENSA 11/06/2003 07:15
  13. DÃO-SE AS PRIMEIRAS INTUIÇÕES DO BEM 10/06/2003 06:38
  12. ALGUNS PROCEDIMENTOS SE PARTICULARIZAM 09/06/2003 07:28
  11. NOVAS REFLEXÕES 08/06/2003 07:25
  10. REMINISCÊNCIAS SEM CAUSA 07/06/2003 07:04
  9. INGRATAS RECORDAÇÕES 06/06/2003 06:21
  8. ... QUIA PULVIS ES! 05/06/2003 06:47
  7. O MEDO 04/06/2003 07:11
  6. A ENTREVISTA 03/06/2003 06:46
  5. PRIMEIRO ESGAR 02/06/2003 07:09
  4. AUSÊNCIA PRESSENTIDA 01/06/2003 05:49
  3. RAREFAZ-SE A NÉVOA 31/05/2003 07:08
  2. PERTURBAÇÃO 30/05/2003 06:41
  1. A TRISTE CHEGADA — início de JUVENAL SOCORRE GUALBERTO 29/05/2003 06:40
  25. DE JESUS A KARDEC (fim de - JESUS? - PRESENTE!) 29/04/2003 06:35
  24. NINGUÉM ESTÁ PERDIDO 28/04/2003 16:37
  23. JUDAS 27/04/2003 07:40
  22. NO TERCEIRO MILÊNIO 26/04/2003 07:16
  21. DE MÉDIUM, POETA E LOUCO... 25/04/2003 06:42
  20. JOÃO 24/04/2003 06:43
  19. PERVERSIDADE NA RIMA 23/04/2003 08:09
  18. COMECEMOS JÁ 22/04/2003 07:06
  17. PEDRO 21/04/2003 10:22
  16. A ENCARNAÇÃO DE JESUS 20/04/2003 07:23
  15. JOSÉ 19/04/2003 07:28
  14. RESUMO DA HISTÓRIA 18/04/2003 08:19
  13. JESUS POETA 17/04/2003 06:46
  12. ORAR E TRABALHAR 16/04/2003 07:41
  11. UMA QUESTÃO DE RIQUEZA 15/04/2003 06:37
  10. RIMAS DE SAFANÃO 14/04/2003 09:00
  9. ALEGRIA PERMANENTE 13/04/2003 07:02
  8. VERSOS DE IMPROVISO 12/04/2003 08:09
  7. AS LÁGRIMAS DE JESUS 11/04/2003 06:44
  6. VOLTANDO AO TEMA 10/04/2003 06:51
  5. JESUS E KARDEC ATUAIS 09/04/2003 06:43
  4. JESUS NO DESERTO 08/04/2003 06:53
  3. BRINCANDO COM O MÉDIUM 07/04/2003 07:23
  2. INVOCAÇÃO A JESUS 06/04/2003 07:29
  1. BATISMO POÉTICO-MEDIÚNICO Início de — JESUS? — PRESENTE! 05/04/2003 07:07
  43. REACENDENDO AS ESPERANÇAS (fim de OITAVAS DE ESPERANÇA) 04/04/2003 06:44
  42. COM MUITO AMOR 03/04/2003 06:52
  41. MEU TRISTE DRAMA 02/04/2003 09:00
  40. RIMAS DE SOFREDOR 01/04/2003 06:33
  39. PARA O MÉDIUM E FAMÍLIA 31/03/2003 07:07
  38. EM DIA DE TEMPESTADE 30/03/2003 07:10
  37. MEU ROGO AO BOM LEITOR 29/03/2003 07:45
  36. HURRA! 28/03/2003 06:49
  35. RETIRANDO A VENDA 27/03/2003 06:53
  34. MEUS ENGANOS 26/03/2003 07:11
  33. LEMBRANDO TOM JOBIM 25/03/2003 06:49
  32. UM TRAPALHÃO 24/03/2003 11:45
  31. TROVA DE EX-MILITAR 23/03/2003 07:01
  30. O TRABALHO DE VERSEJAR 22/03/2003 08:21
  29. O MEU TORMENTO 21/03/2003 07:44
  28. LEMBRANDO A LEI MAIOR 20/03/2003 17:56
  27. A CASCA DO ABACAXI 19/03/2003 07:35
  26. DESAFIO AOS POETAS 18/03/2003 08:02
  25. SOTURNOS VERSOS 17/03/2003 05:45
  24. NA CORDA BAMBA 16/03/2003 08:21
  23. O MISTÉRIO DESTES VERSOS 15/03/2003 07:48
  22. A HORA DA MORTE 14/03/2003 07:00
  21. CONVITE IRRECUSÁVEL 13/03/2003 06:37
  20. AMIZADE ENTRE OS PLANOS 12/03/2003 08:11
  19. MEU BEM-QUERER 11/03/2003 06:40
  18. O TEMPERO DO VERSO 10/03/2003 07:45
  17. É PRECISO ENTENDER 09/03/2003 07:01
  16. VAMOS SEGUIR JESUS 08/03/2003 06:32
  15. MODÉSTIA EM VERSOS 07/03/2003 06:33
  14. OS PRISMAS MATERIAIS 06/03/2003 10:56
  13. O BEM QUE NÃO MACHUCA 05/03/2003 10:25
  12. CONSELHOS DO “ANDAR DE CIMA” 04/03/2003 11:40
  11. ENSINOS DE KARDEC 03/03/2003 11:08
  10. O DESAFIO DA LEITURA 02/03/2003 07:36
  9. ARES DOUTORAIS 01/03/2003 06:59
  8. NATIMORTOS 28/02/2003 06:43
  7. JUNTO AO MAR 27/02/2003 06:40
  6. VENHO DEVAGAR 26/02/2003 08:15
  5. SACO DE RIMAS 25/02/2003 06:28
  4. QUARTA DIMENSÃO 24/02/2003 07:03
  3. VERSOS TORTOS 23/02/2003 08:12
  2. GUERRA CIVIL 22/02/2003 07:45
  1. PROPOSIÇÃO (Início de OITAVAS DE ESPERANÇA) 21/02/2003 06:31
  45. ORAR E SERVIR (Fim de SEXTILHAS DE FÉ) 20/02/2003 10:29
  44. REENCARNAÇÃO É JUSTIÇA 19/02/2003 07:07
  43. VERSOS DE AMOR 18/02/2003 07:06
  42. REDENÇÃO 17/02/2003 07:37
  41. POEMA SOFRIDO 16/02/2003 06:11
  40. MODÉSTIA 15/02/2003 08:03
  39. DAQUI A MIL ANOS 14/02/2003 06:49
  38. METODOLOGIA POÉTICA 13/02/2003 06:57
  37. CONTRASTES 12/02/2003 08:29
  36. ESTOU ATENTO 11/02/2003 06:49
  35. FÉ RACIOCINADA 10/02/2003 08:08
  34. HUMILDADE É PRECISO 09/02/2003 07:19
  33. DE IMPROVISO 08/02/2003 08:33
  32. VERSOS SEM FUTURO 07/02/2003 06:06
  31. O FIO DA NAVALHA 06/02/2003 07:06
  30. EXORTAÇÃO 05/02/2003 07:25
  29. SENTIMENTO DE INFERIORIDADE 04/02/2003 06:50
  28. TROGLODITA 03/02/2003 08:03
  27. BOM HUMOR POÉTICO 02/02/2003 08:07
  26. NECESSIDADE DAS VIRTUDES 01/02/2003 08:16
  25. ESTUDAR KARDEC E VIVER JESUS 31/01/2003 06:54
  24. REPETIÇÃO E PACIÊNCIA 30/01/2003 06:52
  23. AS UVAS VERDES 29/01/2003 07:18
  22. DRAMATIZAÇÃO 28/01/2003 06:36
  21. NOVA FORMA 27/01/2003 07:01
  20. LUVA DE PELICA 26/01/2003 09:02
  19. PERTO DO AMOR 25/01/2003 09:56
  18. POETA-PRESIDENTE 24/01/2003 07:21
  17. A VÍTIMA 23/01/2003 07:21
  16. A POESIA MEDIÚNICA 22/01/2003 06:50
  15. A DUAS MÃOS 21/01/2003 07:11
  14. UM SER NOSTÁLGICO 20/01/2003 08:06
  13. SOFRIMENTOS PARTILHADOS 19/01/2003 09:08
  12. TRABALHO E PRAZER 18/01/2003 07:30
  11. SÉRIO DEVER POÉTICO 17/01/2003 09:18
  10. POESIA E MISÉRIA 16/01/2003 07:03
  9. VOZ DE SOCORRISTA 15/01/2003 09:19
  8. PERSISTÊNCIA 14/01/2003 08:05
  7. ARTE NOVA 13/01/2003 12:06
  6. RECOMENDAÇÃO DO MENTOR 12/01/2003 06:59
  5. EXIGÊNCIA E COMPREENSÃO 11/01/2003 08:20
  4. COM JESUS 10/01/2003 08:46
  3. UM POUCO DE HISTÓRIA 09/01/2003 08:16
  2. FAÇA VERSOS VOCÊ TAMBÉM 08/01/2003 07:07
  SEXTILHAS DE FÉ — 1. LIMITES DOS VERSOS 07/01/2003 08:34
  72.O DIA (fim de “SONETOS DE CARIDADE”) 06/01/2003 07:58
  71.O DIA 05/01/2003 09:25
  70.O DIA 04/01/2003 08:53
  69.O DIA 03/01/2003 07:44
  68.O DIA 02/01/2003 06:44
  67.O DIA 01/01/2003 07:23
  66.O DIA 31/12/2002 07:49
  65.O DIA 30/12/2002 06:38
  64.O DIA 29/12/2002 07:32
  63.O DIA 28/12/2002 09:03
  62.O DIA 27/12/2002 08:13
  61.O DIA 26/12/2002 10:35
  60.O DIA 25/12/2002 07:06
  59.O DIA 24/12/2002 07:41
  58.O DIA 23/12/2002 06:59
  57.O DIA 22/12/2002 07:18
  56.O DIA 21/12/2002 08:28
  55.O DIA 20/12/2002 07:29
  54.O DIA 19/12/2002 08:08
  53.O DIA 18/12/2002 08:02
  52.O DIA 17/12/2002 07:51
  51.O DIA 16/12/2002 08:49
  50.O DIA 15/12/2002 07:00
  49.O DIA 14/12/2002 08:53
  48.O DIA 13/12/2002 08:41
  47.O DIA 12/12/2002 06:56
  46.O DIA 11/12/2002 08:52
  45.O DIA 10/12/2002 07:48
  44.O DIA 09/12/2002 07:51
  43.O DIA 08/12/2002 09:43
  42.O DIA 07/12/2002 09:23
  41.O DIA 06/12/2002 06:42
  40.O DIA 05/12/2002 08:10
  39.O DIA 04/12/2002 06:44
  38.O DIA 03/12/2002 07:48
  37.O DIA 02/12/2002 06:56
  36.O DIA 01/12/2002 07:39
  35.O DIA 30/11/2002 06:43
  34.O DIA 29/11/2002 06:31
  33.O DIA 28/11/2002 07:44
  32.O DIA 27/11/2002 06:39
  31.O DIA 26/11/2002 07:34
  30.O DIA 25/11/2002 07:30
  29.O DIA 24/11/2002 06:52
  28.O DIA 23/11/2002 10:39
  27.O DIA 22/11/2002 06:44
  26.O DIA 21/11/2002 06:34
  25.O DIA 20/11/2002 06:31
  24.O DIA 19/11/2002 08:50
  23.O DIA 18/11/2002 06:42
  22.O DIA 17/11/2002 10:32
  21.O DIA 16/11/2002 12:11
  20.O DIA 15/11/2002 07:08
  19.O DIA 14/11/2002 07:31
  18.O DIA 13/11/2002 06:45
  17.O DIA 12/11/2002 07:09
  16.O DIA 11/11/2002 08:41
  15.O DIA 10/11/2002 07:07
  14.O DIA 09/11/2002 07:48
  13.O DIA 08/11/2002 06:41
  12.O DIA 07/11/2002 08:09
  11.O DIA 06/11/2002 08:08
  10.O DIA 05/11/2002 07:48
  9.O DIA 04/11/2002 07:07
  8.O DIA 03/11/2002 07:19
  7.O DIA 02/11/2002 08:15
  6.O DIA 01/11/2002 07:19
  5.O DIA 31/10/2002 08:08
  4.O DIA 30/10/2002 08:05
  3.O DIA 29/10/2002 08:47
  2.O DIA 28/10/2002 07:05
  SONETOS DE CARIDADE — 1.O DIA 27/10/2002 11:18
  99. SOFRO AINDA (FIM DE “ALMAS NAS SOMBRAS") 26/10/2002 07:24
  98. DESNUDANDO O SENTIMENTO 25/10/2002 07:09
  97. SOB A LUZ DE KARDEC 24/10/2002 08:19
  96. “CHEZ NOUS” 23/10/2002 07:33
  95. BRINCANDO COM SERIEDADE 22/10/2002 08:09
  94. EXERCÍCIO POÉTICO 21/10/2002 07:39
  93. APESAR DE TUDO 20/10/2002 07:50
  92. O TEMPO URGE 19/10/2002 07:21
  91. EM SEGREDO 18/10/2002 07:01
  90. EM NOME DO SENHOR 17/10/2002 09:23
  89. O CIRCUNLÓQUIO 16/10/2002 07:02
  88. EXEMPLO PESSOAL 15/10/2002 07:22
  87. MINHA PRECE 14/10/2002 07:22
  86. PREPARANDO A EXPOSIÇÃO 13/10/2002 09:07
  85. ERGUENDO A PONTA DO VÉU 12/10/2002 07:46
  84. REFLEXÃO SOBRE A FORMA 11/10/2002 08:03
  83. PENSANDO NA COMUNIDADE 10/10/2002 07:30
  82. EXEMPLO DE RESIGNAÇÃO 09/10/2002 06:45
  81. ENFIM, UM SENTIMENTO! 08/10/2002 09:03
  80. VALE COMO TENTATIVA 07/10/2002 11:57
  79. A CARÊNCIA DECLARADA 06/10/2002 11:30
  78. O NOSSO MÁXIMO 05/10/2002 07:02
  77. EM BUSCA DOUTRO EFEITO 04/10/2002 09:36
  76. O EFEITO DECLARADO 03/10/2002 06:42
  75. SOB EFEITO DE POESIA 02/10/2002 06:21
  74. ENQUADRANDO-SE 01/10/2002 07:09
  73. RESULTADO DA COERÇÃO 30/09/2002 06:48
  72. VERSOS, APESAR DE TUDO 29/09/2002 06:51
  71. SEDIMENTA-SE A CONFIANÇA 28/09/2002 07:46
  70. PANIFICAÇÃO POÉTICA 27/09/2002 06:14
  69. PENSANDO NO LEITOR 26/09/2002 06:09
  68. POR SÃO TOMÉ! 25/09/2002 06:36
  67. UNS AVESSOS 24/09/2002 06:57
  66. APESAR DE TUDO 23/09/2002 07:41
  65. SOBRE A CRENÇA 22/09/2002 06:22
  64. JUSTIFICA-SE A TROVA 21/09/2002 06:47
  63. RETRATO FIEL 20/09/2002 06:36
  62. NÃO DIGA: — “NÃO BEBEREI”... 19/09/2002 06:03
  61. EXPLICANDO A ATITUDE 18/09/2002 06:07
  60. ACREDITANDO NOS INCENTIVOS 17/09/2002 07:47
  59. RECEBENDO INCENTIVO 16/09/2002 07:22
  58. DESVENCILHANDO-SE DO DEVER 15/09/2002 07:19
  57. CONSELHINHO GRATUITO 14/09/2002 09:19
  56. SINAIS DE INFERIORIDADE 13/09/2002 08:08
  55. INDÍCIOS DE MELHORIA 12/09/2002 07:47
  54. “DANCEI” 11/09/2002 06:22
  53. SOBRE A EXIGÊNCIA DE QUALIDADE 10/09/2002 06:57
  52. PEQUENOS SEGREDOS MEDIÚNICOS 09/09/2002 07:16
  51. MEIO SEM JEITO 08/09/2002 08:58
  50. NÃO HÁ OUTRA FORMA 07/09/2002 08:09
  49. CIRANDA EXISTENCIAL 06/09/2002 06:21
  48. REFLEXÃO IRREFRAGÁVEL 05/09/2002 07:56
  47. OBSEDADO OBSESSOR 04/09/2002 06:29
  46. LÊ “RIMA”.; ENTENDE “ALMA” 03/09/2002 07:33
  45. RECOMENDAÇÃO JUDICIOSA 02/09/2002 06:48
  44. ORA, POIS!... 01/09/2002 07:26
  43. O BODE EXPIATÓRIO 31/08/2002 06:20
  42. POR FORA, BELA VIOLA... 30/08/2002 06:45
  41. TRISTE LEMBRANÇA ESPÍRITA 29/08/2002 07:30
  40. COMO QUEM NADA QUER 28/08/2002 06:47
  39. NOTÍCIA ÍNTIMA 27/08/2002 06:55
  38. ACANHADO PROGRESSO 26/08/2002 05:49
  37. SIMPLES RECORDAÇÃO 25/08/2002 07:44
  36. TRÁGICA CONFUSÃO 24/08/2002 07:43
  35. OS BONS ORAM SEMPRE 23/08/2002 06:40
  34. SÓ UMA PÍLULA 22/08/2002 06:43
  33. SIMPLES LENITIVO 21/08/2002 06:36
  32. A TRISTE VERDADE 20/08/2002 05:57
  31. PENOSA RECORDAÇÃO 19/08/2002 07:35
  30. OUTRA VISÃO DOS VERSOS 18/08/2002 07:57
  29. A EFICÁCIA DA DOR 17/08/2002 07:33
  28. ESQUEÇAMOS O MAL 16/08/2002 07:16
  27. O CLIMA NO GRUPO DE POETAS 15/08/2002 07:01
  26. SOB AS VIRTUDES TEOLOGAIS 14/08/2002 06:33
  25. A FINALIDADE DA POESIA 13/08/2002 08:49
  24. CONHECIMENTO INÚTIL 12/08/2002 06:45
  23. INÚTIL EXEMPLIFICAÇÃO 11/08/2002 07:18
  22. TEMPO E SOFRIMENTO 10/08/2002 08:13
  21. A NECESSIDADE REAL 09/08/2002 07:15
  20. O DESAFIO POÉTICO 08/08/2002 07:17
  19. O EMPUXO POÉTICO 07/08/2002 06:58
  18. EM SETE MINUTOS 06/08/2002 07:05
  17. ENIGMA DECIFRADO 05/08/2002 08:44
  16. SONETO MEIO ENIGMÁTICO 04/08/2002 09:07
  15. ESCANDIR PARA APRENDER 03/08/2002 09:13
  14. A FONTE DA INSPIRAÇÃO 02/08/2002 10:40
  13. GERANDO A DÍVIDA 01/08/2002 06:42
  12. O PODER DA RIMA 31/07/2002 07:57
  11. A VONTADE SE DEPURA 30/07/2002 07:04
  10. PENOSA CONDIÇÃO 29/07/2002 05:32
  9. METAFÓRICA MENTE 28/07/2002 07:11
  8. UM OLHAR PARA O INTERIOR 27/07/2002 09:07
  7. UM OLHAR PARA O EXTERIOR 26/07/2002 05:12
  6. A CARACTERIZAÇÃO DO MEDO 25/07/2002 07:20
  5. A PRIMEIRA DELIBERAÇÃO 24/07/2002 06:21
  4. ALMA NAS SOMBRAS 23/07/2002 07:16
  3. O TEMA PRINCIPAL 22/07/2002 05:27
  2. O OBJETIVO POÉTICO 21/07/2002 06:07
  1. ENCRUZILHADA POÉTICA 20/07/2002 07:15
  SENTINELA 04/05/2002 05:40
  BARCAROLA 03/05/2002 05:52
  INSATISFAÇÃO 02/05/2002 06:01
  INTERROMPIDO 01/05/2002 07:26
  DESPRENDIMENTO 30/04/2002 06:53
  ANGUSTIADO 29/04/2002 06:39
  SOLIDÃO 28/04/2002 08:05
  ENCONTRADO SEM TÍTULO 27/04/2002 06:54
  ASSIM É 26/04/2002 05:44
  VIDA DE HOJE 25/04/2002 07:33
  AMBICIOSO 24/04/2002 05:21
  DEPOSITÁRIO 23/04/2002 07:04
  DESESPERANÇA DE PODER 22/04/2002 06:54
  INSPIRADO 21/04/2002 06:05
  ANÁLOGO 20/04/2002 07:26
  IDÉIA 19/04/2002 06:05
  FUGIR É VOLTAR 18/04/2002 07:36
  CONFORMIDADE 17/04/2002 08:12
  AMARGURA DE SER AMADO 16/04/2002 07:02
  EU-NÃO-O-EU QUE DESEJO 15/04/2002 06:45
  INSTANTÂNEO 14/04/2002 06:56
  NOVOS TERCETOS 13/04/2002 07:06
  Ó MORTE! 12/04/2002 06:05
  PROPOSITURA 11/04/2002 07:44
  ANALISANDO PESSOA POR FORA 10/04/2002 06:20
  OCULTISMO REVELADO 09/04/2002 06:05
  EM NOSSOS SONHOS 08/04/2002 06:58
  NO LIMIAR DA PERDIÇÃO MORAL 07/04/2002 07:46
  GEOMETRIA ANALÍTICA EM RÉ BEMOL 06/04/2002 06:34
  MOMENTÂNEO 05/04/2002 06:23
  CAMPO PSÍQUICO EM VERDE 04/04/2002 07:26
  ESCATOLOGIA 03/04/2002 06:20
  RECONHECIMENTO 02/04/2002 07:50
  INTROJECÇÃO 01/04/2002 07:15
  DESESPERO DO AMOR 31/03/2002 09:14
  INDECISÃO 30/03/2002 08:43
  DIA DE ANIVERSÁRIO 29/03/2002 05:33
  HUMANISMO 28/03/2002 06:57
  OUTRA METADE 27/03/2002 06:02
  METADE 26/03/2002 07:28
  SOSSEGADO 25/03/2002 07:20
  PERDÃO 24/03/2002 07:18
  SOU FELIZ 23/03/2002 06:55
  SUPOSIÇÃO 22/03/2002 06:15
  PARTIDA 21/03/2002 08:13
  PUERÍCIA 20/03/2002 06:02
  MÁRMORE 19/03/2002 07:41
  ASTROFÍSICA 18/03/2002 06:57
  PARA LEMBRANÇA 17/03/2002 06:52
  MATERIALIDADES 16/03/2002 06:45
  EXTÁTICO 15/03/2002 06:34
  CONTINUAÇÃO 14/03/2002 07:05
  ARMAÇÃO 13/03/2002 06:31
  PROFUNDIDADE 12/03/2002 05:39
  PÁGINA 11/03/2002 07:03
  AMOR DE MESTRE 10/03/2002 07:34
  CAMADAS 09/03/2002 08:22
  AINDA 08/03/2002 05:41
  CONVERSA 07/03/2002 06:06
  HORIZONTE 06/03/2002 06:36
  CLARINADA 05/03/2002 07:15
  APÓLOGO 04/03/2002 06:55
  BOLETIM BIBLIOGRÁFICO 03/03/2002 11:16
  DECEPÇÃO 02/03/2002 11:03
  OUTRORA 01/03/2002 06:32
  POSTERIORIDADE 28/02/2002 07:09
  ÍNDICE 27/02/2002 06:02
  PRONTIDÃO 26/02/2002 05:52
  UM DIA 25/02/2002 04:22
  BONECOS 24/02/2002 07:03
  TAPETE 23/02/2002 07:04
  LENTO 22/02/2002 06:29
  SOLUÇO INTERIOR 21/02/2002 07:31
  SONETO EM RÉ BEMOL 20/02/2002 05:40
  O TORRÃO NATAL 19/02/2002 08:03
  RETORNO 18/02/2002 05:54
  FIDELIDADE A MIM MESMO 17/02/2002 08:03
  TOMADA DE POSIÇÃO 16/02/2002 06:59
  REFLEXOS EXTERIORES 15/02/2002 05:33
  PRESSÃO 14/02/2002 06:23
  BRADO 13/02/2002 07:22
  À ESPERA DO ALMOÇO 12/02/2002 06:33
  PROPOSIÇÃO 11/02/2002 06:06
  INICIAÇÃO 10/02/2002 17:04
  OUTRO SONETO APARENTE 10/02/2002 17:02
  AINDA A PROSA 08/02/2002 14:30
  NO LIMIAR DA ETERNIDADE 07/02/2002 07:29
  PROSA 06/02/2002 09:44
  PRINCIPIANTE 05/02/2002 05:53
  MIAU 1.O 04/02/2002 07:47
  ATENÇÃO 03/02/2002 06:26
  AGORA 02/02/2002 07:21
  ANÁLISE 01/02/2002 06:38
  TRÊS TERCETOS 31/01/2002 06:01
  OUTROS SETE MINUTOS 30/01/2002 06:54
  POESIA DE SETE MINUTOS 29/01/2002 08:36
  NÃO-POESIA 28/01/2002 07:32
  PESSIMISMO DE HOJE 27/01/2002 09:26
  INTELIGÊNCIA É ASSOCIAÇÃO DE IDÉIAS 26/01/2002 06:20
  REINCIDÊNCIA 25/01/2002 06:58
  SOLUÇO 24/01/2002 05:22
  RUMOR-TREMOR 23/01/2002 06:43
  IMPRESSÃO 22/01/2002 06:01
  CONCRETO-ABSTRATO 21/01/2002 07:57
  CONTO 20/01/2002 08:11
  OITAVA 19/01/2002 06:52
  ESBOÇO 18/01/2002 07:10
  MINIATURA 17/01/2002 07:24
  INVENTÁRIO 16/01/2002 07:36
  DESFAÇATEZ 15/01/2002 07:26
  MEIA-NOITE 14/01/2002 06:35
  INSTANTÂNEO 13/01/2002 06:18
  PARA QUE SAIBAM QUE EU EXISTI 12/01/2002 06:26
  A DIVINA COMÉDIA OU A SANTÍSSIMA TRINDADE 11/01/2002 07:01
  SOLSTÍCIO 10/01/2002 05:46
  D. - V. 09/01/2002 05:01
  SOLEDADE 08/01/2002 07:14
  METROS DE COMÉDIA 07/01/2002 05:21
  QUE IMPORTAM CIFRÕES? 06/01/2002 06:42
  TENDÊNCIA FUTURA 05/01/2002 07:17
  NOVA TENTATIVA 04/01/2002 06:28
  DESORAS 03/01/2002 06:15
  SUNTUOSIDADE 02/01/2002 07:08
  RECONHECIMENTO 01/01/2002 06:49
  O ESCRITO 31/12/2001 07:07
  PROSTITUTAS 30/12/2001 06:05
  OUTUBRO 29/12/2001 06:32
  MAIS UM POUCO 28/12/2001 07:33
  IMAGENS FEMININAS 27/12/2001 09:52
  GÊNIO 26/12/2001 09:50
  CINCO HORAS E QUARENTA MINUTOS 25/12/2001 05:14
  PARA FRENTE 24/12/2001 06:51
  PARA PODER LER ALGUM DIA 23/12/2001 07:42
  TRAÇO 22/12/2001 06:29
  SOTURNO - NOTURNO 21/12/2001 07:29
  NOVOS RUMOS 20/12/2001 06:44
  QUASE SONETO 19/12/2001 06:00
  O DOCE DO ALÉM 18/12/2001 06:30
  TENTATIVAS 17/12/2001 06:38
  MUNDO, MUNDO 16/12/2001 06:59
  ECOS EXTERIORES 15/12/2001 07:46
  A FOGUEIRA DE SÃO JOÃO 14/12/2001 06:50
  MATERIALISMO 13/12/2001 07:13
  O HOMEM DIANTE DO MUNDO 12/12/2001 06:18
  O HOMEM QUE FOI DEUS 11/12/2001 06:19
  CONVITE 10/12/2001 06:30
  EXPLICAÇÃO 09/12/2001 06:02
  INCERTEZA 08/12/2001 06:10
  CONTINÊNCIA 07/12/2001 06:14
  POROSIDADE 06/12/2001 07:01
  A FORÇA PSÍQUICA DO SEXO 05/12/2001 06:55
  FALTA DE PODER CRIADOR 04/12/2001 06:27
  MEU CONSCIENTE 03/12/2001 06:18
  MEDITAÇÃO - II 02/12/2001 06:33
  ERA O VENTO 01/12/2001 06:31
  DESASSOSSEGO 30/11/2001 06:19
  DUAS VEZES EU 29/11/2001 05:37
  SUPOSIÇÃO 28/11/2001 08:20
  O INCONSCIENTE 27/11/2001 08:09
  REFLEXÃO 26/11/2001 05:12
  ADEUS AOS SONHOS 25/11/2001 05:39
  AUTOCRÍTICA 24/11/2001 10:14
  DESEJOS 23/11/2001 10:45
  RUMOS 22/11/2001 09:58
  DO IMPONDERÁVEL 21/11/2001 07:59
  PARA QUE ELIZABETH II PASSE À HISTÓRIA 20/11/2001 09:51
  RECORDAÇÃO 19/11/2001 08:35
  NOSSO HOMEM 18/11/2001 08:08
  VIDA 17/11/2001 07:14
  MINHA VIDA 16/11/2001 09:01
  TENTATIVA 15/11/2001 09:45
  AINDA O PRESENTE 14/11/2001 07:41
  PANTEÍSMO 13/11/2001 09:27
  A ANTERO DE QUENTAL, O JOVEM 12/11/2001 06:03
  PAUSA 11/11/2001 07:22
  REFÚGIO 10/11/2001 06:54
  SEMPRE 09/11/2001 07:41
  SANGUE 08/11/2001 07:31
  CONFISSÃO 07/11/2001 06:47
  DESCANSO 06/11/2001 08:17
  A MENINA DO LAGO 05/11/2001 07:51
  ROMANTISMO METAFÍSICO 04/11/2001 08:18
  DESEJO 03/11/2001 09:11
  RECALQUES ESCOLARES 02/11/2001 08:17
  SONETO PARA QUE O HOMEM SE REFORME 01/11/2001 08:02
  INTELIGÊNCIA 31/10/2001 06:37
  SONETO RESIGNADO 30/10/2001 14:47
  ANTES DA AÇÃO 29/10/2001 07:09
  CALOR 28/10/2001 07:46
  SONETO RELIGIOSO 27/10/2001 07:30
  ANGÚSTIA 26/10/2001 08:09
  A PEDRA 25/10/2001 07:20
  MEDITAÇÃO 24/10/2001 07:19
  MOTIVOS PARA A VIDA 23/10/2001 07:21
  A MENINA DO VÍDEO 22/10/2001 08:41
  O PROGRESSO 21/10/2001 11:08
  MORTE 21/10/2001 11:07
  CIÊNCIA 21/10/2001 11:06
  MÚSICA DE JAZZ 21/10/2001 11:05
  SONETO APARENTE 21/10/2001 11:03
  MISCELÂNEA 21/10/2001 07:30
  ALGO QUE SE PARECE COM PROSA 21/10/2001 07:26
  UMA VISÃO DO FUTURO 14/10/2001 06:40
  O TÍTULO NÃO É NECESSÁRIO 13/10/2001 12:10
  A BELEZA 12/10/2001 06:47
  COMPROMISSO 11/10/2001 07:45
  SEXTILHAS 10/10/2001 08:01
  EXISTENCIABILIDADE 09/10/2001 07:07
  O AMOR 08/10/2001 05:28
  BILAC 07/10/2001 08:02
  DRUMMOND 06/10/2001 05:55
  AOS CEGOS DE NASCENÇA 05/10/2001 05:59
  FRAGMENTO DE POESIA QUE DEVIA SER MAIS LONGA 04/10/2001 08:07
  DOIS TEMAS 03/10/2001 06:16
  SEM TÍTULO 02/10/2001 08:53
  OUTRO SONETINHO 01/10/2001 06:52
  A MORTE 30/09/2001 06:32
  PROFISSÃO DE VERME 29/09/2001 07:50
  TERCETOS 28/09/2001 06:43
  SONETINHO 27/09/2001 07:24
  EM BUSCA DA VIDA 26/09/2001 06:33
  SONETO 25/09/2001 07:11
  VIBRAÇÃO METAFÍSICA 24/09/2001 05:38
  O PENSAMENTO 23/09/2001 06:23
  O QUE EU SOU 22/09/2001 07:38
  ALGO 21/09/2001 07:35
  DEPOIS DO AMOR 20/09/2001 06:03
  TRISTEZA (2) 19/09/2001 06:25
  TRISTEZA 18/09/2001 07:16
  LEMBRANDO AYRTON SENNA 01/05/2001 14:18
  EM FORMA DE PARÁBOLA 11/04/2001 08:54
  ENTUSIASMEI-ME 04/04/2001 10:06
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui