Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
62 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55217 )
Cartas ( 21066)
Contos (12156)
Cordel (9589)
Crônicas (21289)
Discursos (3112)
Ensaios - (9914)
Erótico (13140)
Frases (40120)
Humor (17564)
Infantil (3566)
Infanto Juvenil (2310)
Letras de Música (5416)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135847)
Redação (2879)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2375)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4226)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



wladimir olivier                Poesias Siga o Autor Patrocine o autor
TituloDataHoraAcessos
  MARULHOS POÉTICOS 4 03/03/2005 05:22
  MARULHOS POÉTICOS 3 03/03/2005 05:21
  MARULHOS POÉTICOS 2 03/03/2005 05:16
  MARULHOS POÉTICOS 1 03/03/2005 05:15
  FRATERNIDADE ESPIRITUAL E OUTROS SONETOS 03/03/2005 04:56
  SONETISTAS ANÔNIMOS 03/03/2005 04:41
  UM CASO DE POLÍCIA E OUTROS SONETOS 03/03/2005 04:29
  FAGULHAS, SÓ FAGULHAS 03/03/2005 04:26
  SEXTILHAS E COMPANHIA 03/03/2005 04:18
  SONETOS E MAIS SONETOS 03/03/2005 04:09
  FRENTE E VERSO 03/03/2005 03:22
  SÓ SEXTILHAS 02/03/2005 06:52
  TRÊS POETAS DA PESADA 02/03/2005 06:34
  ENFIM, A CAMINHO! E MAIS 180 SONETOS 02/03/2005 06:11
  E A? E OUTROS 156 SONETOS 01/03/2005 14:03
  À LUZ DE VELA 01/03/2005 13:27
  LAMENTOS POÉTICOS SEM SAUDADE 01/03/2005 13:16
  NHÔ TONICO 28/02/2005 15:08
  FLAGRANTES DE ALEGRIA 28/02/2005 15:02
  FLAGRANTES DE ALEGRIA 19/02/2005 08:45
  À LUZ DA VELA: 4, 5, 6. 16/02/2005 15:11
  1. Minha proposição 2. Da qualidade do texto 3. O poeta é 15/02/2005 14:00
  24. VERSOS DE DEVEDOR 09/03/2004 07:22
  23. CONTRA-SENSOS 08/03/2004 07:28
  22. O DOM DA PROFECIA 07/03/2004 08:34
  21. O ESFORÇO DA DISCIPLINA 06/03/2004 08:04
  20. O BENFEITOR E O APRENDIZ 05/03/2004 08:36
  19. TRILOGIA 04/03/2004 07:31
  18. EVOLUÇÃO INCOERCÍVEL 03/03/2004 06:49
  17. TEMA UNIVERSAL 02/03/2004 07:50
  16. PRECE DE SOFREDOR 01/03/2004 06:11
  15. A CRÍTICA DO AUTOR 29/02/2004 06:40
  14. EM FAVOR DOS OUTROS 28/02/2004 06:36
  13. VÁRIA 27/02/2004 06:16
  12. O DEVER DE TODOS 26/02/2004 07:22
  11. A PACIÊNCIA 25/02/2004 07:50
  10. DEVAGAR SE VAI AO LONGE 24/02/2004 09:33
  9. PALAVRAS DE INCENTIVO 23/02/2004 07:30
  8. REFLEXÕES NO UMBRAL 22/02/2004 07:43
  7. “RELAX” 21/02/2004 06:10
  6. OS DEFEITOS E AS VIRTUDES 20/02/2004 07:54
  5. O MEU COMPADRE 19/02/2004 08:56
  4. GOZOS DO MAIS-ALÉM 18/02/2004 07:45
  3. TREINAR É TAMBÉM TRABALHAR 17/02/2004 07:06
  2. COM JESUS E COM KARDEC 16/02/2004 06:01
  1. DE VOLTA AO TREINAMENTO (Início de POEMAS MODESTOS) 15/02/2004 06:33
  31. MENSAGEM FINAL de OS FRUTOS DE NOSSOS RAMOS 14/02/2004 07:27
  30. CORRENTE DE AMOR 13/02/2004 07:33
  29. O INÍCIO DA MISSÃO 12/02/2004 08:18
  28. NO CORPO 11/02/2004 07:46
  27. VIVER PERFEITO 10/02/2004 07:33
  26. EM PAZ 09/02/2004 06:16
  25. MINHA ÚLTIMA VIDA 08/02/2004 08:12
  24. AS AÇÕES INSTINTIVAS 07/02/2004 08:58
  23. PERANTE AS DIFICULDADES 06/02/2004 07:59
  22. UM FRACASSADO 05/02/2004 07:59
  21. A CONDUTA 04/02/2004 07:11
  20. A POESIA COMO PROVA 03/02/2004 07:52
  19. INTIMIDADE RESPEITOSA 02/02/2004 08:13
  18. ALGUMAS RECOMENDAÇÕES 01/02/2004 07:30
  17. O APOIO ESPIRITUAL 31/01/2004 08:47
  16. O PRINCIPIANTE 30/01/2004 08:06
  15. SEM TEMPERO 29/01/2004 07:33
  14. POR FAVOR, ACREDITE 28/01/2004 07:28
  13. MINUTO DE GLÓRIA 27/01/2004 08:14
  12. FRAGMENTO(1) 26/01/2004 07:19
  11. NO LIMIAR DA LUZ(1) 25/01/2004 08:26
  10. COMENTÁRIOS PESSOAIS 24/01/2004 06:54
  9. LEVE ESTUDO DO ORGULHO 23/01/2004 07:58
  8. CÍRCULOS SEM VÍCIOS 22/01/2004 06:53
  7. A ESPADA E O ESCUDO 21/01/2004 07:41
  6. O TRABALHO SE COMPARTILHA 20/01/2004 07:09
  5. PARA TER MEDIUNIDADE 19/01/2004 09:38
  4. AOS MÉDIUNS 17/01/2004 08:02
  3. ALGUMAS ORIENTAÇÕES 16/01/2004 07:42
  2. PARA FAZER A CABEÇA 15/01/2004 07:17
  1. PRIMEIRA INCURSÃO (Início de OS FRUTOS DOS NOSSOS RAMOS) 14/01/2004 06:57
  41. DECLARAÇÃO FINAL 13/01/2004 06:13
  40. NA BATIDA DOS OCTOSSÍLABOS 12/01/2004 07:35
  39. FELIZ REALIZAÇÃO 11/01/2004 07:32
  38. TRABALHAR É PRECISO 10/01/2004 07:57
  37. O PRÓXIMO PATAMAR 09/01/2004 07:21
  36. NOSSO NÍVEL EVOLUTIVO 08/01/2004 08:38
  35. SOU INFERIOR 07/01/2004 08:35
  34. FUZARCA E SERIEDADE 06/01/2004 06:31
  33. ANÁLISE DO DITADO POÉTICO 05/01/2004 09:08
  32. RECADO DE SOFREDOR 04/01/2004 08:45
  31. CANTIGAS DE BENDIZER 03/01/2004 08:37
  30. TIRO CERTEIRO 02/01/2004 07:27
  29. “RAP” ESPIRITUAL 01/01/2004 07:06
  28. A RAZÃO DESTES VERSOS 31/12/2003 09:50
  27. ARREPENDIDO 30/12/2003 07:45
  26. O BÊBADO E O ESPÍRITA 29/12/2003 11:20
  25. CÍRCULOS SEM VÍCIO 28/12/2003 12:02
  24. FRÁGEIS BOLHAS 27/12/2003 11:05
  23. ESPERANÇOSO 26/12/2003 09:08
  22. UM RAIO DE FELICIDADE 25/12/2003 07:47
  21. VERSOS TACANHOS 24/12/2003 09:59
  20. TREINANDO OS OCTOSSÍLABOS 23/12/2003 10:11
  19. CONSELHOS DE QUEM SOFREU 22/12/2003 07:42
  18. EPIGRAMAS 21/12/2003 07:53
  17. AOS CRIMINOSOS 20/12/2003 08:59
  16. RIMAS DE JOÃO-NINGUÉM 19/12/2003 07:14
  15. CONFIANÇA EM DEUS E AUTOCONFIANÇA 18/12/2003 07:49
  14. O PESO DE UM NOME 17/12/2003 06:33
  13. SEM ILUSÕES 16/12/2003 08:33
  12. O ADORNO PERFEITO 15/12/2003 07:36
  11. DA AMIZADE E DO AMOR 14/12/2003 07:15
  10. “PEGANDO DE LEVE” 13/12/2003 08:59
  9. TREINO SUBSTANCIOSO 12/12/2003 06:43
  8. PREOCUPAÇÃO COM OS VERSOS 11/12/2003 06:45
  7. TREINAMENTO INSÓLITO 10/12/2003 07:19
  6. PARA A AFLIÇÃO DO MÉDIUM 09/12/2003 07:59
  5. RECOMENDAÇÕES EVANGÉLICAS 08/12/2003 09:54
  4. IDEAL SOCORRISTA 07/12/2003 06:20
  3. POESIA DÁ TRABALHO 06/12/2003 08:18
  2. TEMORES DO AUTOR 05/12/2003 06:33
  RIMAS DE JOÃO-NINGUÉM (Poesia mediúnica) 1. OS COMPROMISSOS 04/12/2003 06:39
  36. O TRABALHO PROSSEGUIRÁ (Fim de VERSOS PERVERSOS — IV) 03/12/2003 08:20
  35. INJUNÇÕES DO PIONEIRISMO 02/12/2003 06:36
  34. ANUNCIANDO A DESPEDIDA 01/12/2003 07:31
  33. A TRINTA POR HORA 30/11/2003 06:47
  32. ENEASSÍLABOS TOSCOS 29/11/2003 09:02
  31. SEM REFORMAS 28/11/2003 06:18
  30. SEM VAIDADE 27/11/2003 06:47
  29. AFASTEMOS O FANTASMA 26/11/2003 07:19
  28. DUALIDADE DA ALMA 25/11/2003 06:37
  27. DIANTE DO INIMIGO 24/11/2003 07:09
  26. SONHO DE MONGE 23/11/2003 07:33
  25. IMPRESSÕES DE VIAGEM 22/11/2003 07:54
  24. COM BOA VONTADE 21/11/2003 06:34
  23. CENSURA AO DINHEIRO 20/11/2003 06:24
  22. JUVÊNCIO METRIFICA 19/11/2003 08:31
  21. ESTAVA PERTO E EU NÃO VIA 18/11/2003 06:45
  20. OCTOSSÍLABOS RÁPIDOS 17/11/2003 09:00
  19. VERSOS FELIZES 16/11/2003 06:26
  18. ENQUANTO OS POETAS NÃO VÊM 15/11/2003 07:46
  17. SURREALISMO SOBRENATURAL 14/11/2003 06:34
  16. POEMA PREOCUPADO CONSIGO MESMO 13/11/2003 06:41
  15. AURAS ROXAS 12/11/2003 06:29
  14. AMEAÇAS À DONA POÉTICA 11/11/2003 06:36
  13. AO CORRER DA PENA 10/11/2003 07:09
  12. PONDO AS MANGUINHAS DE FORA 09/11/2003 05:58
  11. SEM BURILAMENTO 08/11/2003 10:04
  10. DISSECANDO OS VERSOS 07/11/2003 06:58
  9. SAUDADE DE VERSEJAR 06/11/2003 06:34
  8. INTEGRAÇÃO COM O MÉDIUM 05/11/2003 07:36
  7. A HORA DA MORTE 04/11/2003 06:37
  6. VERSOS ZOMBETEIROS 03/11/2003 09:03
  5. TESTANDO AS LICENÇAS POÉTICAS 02/11/2003 08:32
  4. À BUSCA DE REDENÇÃO 01/11/2003 08:13
  3. TREINAMENTO APURADO 31/10/2003 06:26
  2. EXPLICITANDO A PROPOSTA 30/10/2003 06:41
  1. A PROPOSTA 29/10/2003 09:48
  VERSOS PERVERSOS — IV (TREINAMENTO POÉTICO-MEDIÚNICO) 29/10/2003 09:46
  34. ALGUMA POESIA AFINAL (Fim de VERSOS PERVERSOS III) 28/10/2003 06:33
  33. CHICÓRIA OU REPOLHO? 27/10/2003 06:59
  32. SEM CRIATIVIDADE 26/10/2003 09:24
  31. OS POETAS CAPRICHAM 25/10/2003 06:49
  30. TARDE MEMORÁVEL 24/10/2003 06:48
  29. A HORA SE APROXIMA 23/10/2003 06:56
  28. DE GALINHAS E DE OVOS 22/10/2003 06:46
  27. TREINO E VIDA EM FAMÍLIA 21/10/2003 06:33
  26. PERSISTÊNCIA 20/10/2003 08:20
  25. VASO VAZIO 19/10/2003 11:09
  24. TARDE FACEIRA 18/10/2003 06:07
  23. PAINEL DESTA POESIA 17/10/2003 07:02
  22. SIMPLESMENTE 16/10/2003 07:10
  21. TEMA INVARIÁVEL 15/10/2003 06:18
  20. O TREINO SE APERFEIÇOA 14/10/2003 06:49
  19. ALGUNS VERSOS BATUTAS 13/10/2003 08:41
  18. O QUE OLHAS TU? 12/10/2003 07:18
  17. ACALMANDO O MÉDIUM 11/10/2003 07:26
  16. O QUE RIMA COM DOR 10/10/2003 06:46
  15. VERSOS SEM POESIA 09/10/2003 06:26
  14. DEVAGAR SE VAI AO LONGE 08/10/2003 07:14
  13. TARDE QUASE VAZIA 07/10/2003 06:57
  12. A MISSÃO DE PEDRO 06/10/2003 07:32
  11. COM ALGUM ESMERO 05/10/2003 07:48
  10. UM POUCO MELHOR 04/10/2003 07:32
  9. COM CASCA E TUDO 03/10/2003 06:39
  8. MÍNIMO PROGRESSO 02/10/2003 10:44
  7. COISAS DE PRINCIPIANTE 01/10/2003 07:12
  6. VALE A INTENÇÃO? 30/09/2003 06:42
  5. PROSA METRIFICADA 29/09/2003 08:04
  4. EM VARIEGADA MÉTRICA 28/09/2003 08:40
  3. PASSOS OBRIGATÓRIOS 27/09/2003 07:34
  2. DO PRÓPRIO TRABALHO 26/09/2003 06:42
  1. O MELHOR DOS FRUTOS 25/09/2003 06:48
  VERSOS PERVERSOS — III (TREINAMENTO POÉTICO-MEDIÚNICO) 25/09/2003 06:39
  41. À GUISA DE DESPEDIDA (final de Versos Perversos II) 24/09/2003 06:59
  40. QUANTO À ACEITAÇÃO DO TRABALHO 23/09/2003 06:48
  39. TRABALHO MENOS BRANDO 22/09/2003 06:58
  38. AS TROVAS DOS NOVIÇOS 21/09/2003 07:04
  37. O MÉDIUM TEM OUTRO COMPROMISSO 20/09/2003 07:44
  36. QUADRAS MANQUITOLAS 19/09/2003 06:46
  35. PRENÚNCIO DA DESPEDIDA 18/09/2003 06:43
  34. IMPRESSÃO DE IMPROVISO 17/09/2003 08:38
  33. NA ROTA BATIDA 16/09/2003 06:57
  32. VERSOS EM QUADRINHOS 15/09/2003 08:45
  31. “ÉLAN” MÉTRICO 14/09/2003 06:44
  30. SERIEDADE POÉTICA 13/09/2003 06:26
  29. RIMAS CORDATAS 12/09/2003 08:05
  28. A PERFEIÇÃO ESTÁ NO AMOR 11/09/2003 06:51
  27. A SENHA 10/09/2003 07:07
  26. INDIGESTÃO MÉTRICA 09/09/2003 06:48
  25 VENCI? 08/09/2003 08:01
  24. A NATUREZA DO DITADO 07/09/2003 07:39
  23. DE RIMAS E CLIMAS 06/09/2003 07:34
  22. SEMI-ALFABETIZADO 05/09/2003 06:46
  21. PARA O MÉDIUM IRRITADO 04/09/2003 06:41
  20. “INSIGHT” 03/09/2003 08:37
  19. OBSESSORES? 02/09/2003 06:54
  18. DO BATISMO 01/09/2003 09:01
  17. TREINO VALIOSO 31/08/2003 06:59
  16. DESESTIMULADO 30/08/2003 07:50
  15. CHEIO DE PRESSA 29/08/2003 06:41
  14. O POETA É UM SOFREDOR 28/08/2003 07:57
  13. EM DIA DE MUDANÇA 27/08/2003 08:16
  12. DE MACACOS E DE GALHOS 26/08/2003 06:55
  11. SER HERÓI 25/08/2003 07:40
  10. ORIENTAÇÕES DO GUIA 24/08/2003 07:06
  9. NO DIA DO “IMPEACHMENT” 23/08/2003 07:23
  8. VÁRIOS TEMAS 22/08/2003 08:22
  7. DESLANCHE FINAL 21/08/2003 06:57
  6. O MÉDIUM SE ESPERTA 20/08/2003 07:44
  5. TAREFA ROTINEIRA 19/08/2003 06:26
  4. AUMENTA A FACILIDADE 18/08/2003 06:07
  3. QUATRO PARA TÃO POUCO 17/08/2003 07:35
  2. FUTURISMO AMEAÇADO 16/08/2003 07:28
  1. O RELACIONAMENTO COM O MÉDIUM 15/08/2003 08:33
  VERSOS PERVERSOS — II - TREINAMENTO POÉTICO-MEDIÚNICO 15/08/2003 08:32
  32. PERFAZ-SE A QUOTA - Fim de Versos Perversos I 14/08/2003 07:46
  31. PACIÊNCIA, FÉ, PERSEVERANÇA E AMOR 13/08/2003 10:27