Usina de Letras
Usina de Letras
82 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60352 )

Cartas ( 21289)

Contos (13386)

Cordel (10358)

Cronicas (22276)

Discursos (3193)

Ensaios - (9713)

Erótico (13520)

Frases (48234)

Humor (19547)

Infantil (4825)

Infanto Juvenil (4173)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139343)

Redação (3116)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2437)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5810)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->ALGUÉM SEMPRE QUIS SER DO MUNDO DONO -- 01/07/2022 - 08:10 (HENRIQUE CESAR PINHEIRO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos

O domínio da Terra é obsessão

De Alexandre até os comunistas

Hoje da nova ordem globalista

Pra fundir numa única Nação

Sob o julgo de um grande irmão

Habitante da Terra não terá

Liberdade aqui nem acolá

Se não se lutar pelo nosso trono

Alguém sempre quis ser do mundo dono

Mas seu dono ninguém nunca será

 

Ser humano não mede sua ambição

O poder sempre leva a desatinos

Não importa se é chinês, latino

Da Europa, da Síria do Japão

Tudo serve pra se passar a mão

Pra ser dono do que não levará

O que fez aqui vai sempre ficar

Quando nós formos pro eterno sono

Alguém sempre quis ser do mundo dono

Mas seu dono ninguém nunca será

 

HENRIQUE CÉSAR PINHEIRO

FORTALEZA, JUNHO/2022

Comentarios
Perfil do AutorSeguidores: 27Exibido 58 vezesFale com o autor