Usina de Letras
Usina de Letras
42 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60283 )

Cartas ( 21285)

Contos (13379)

Cordel (10352)

Cronicas (22252)

Discursos (3187)

Ensaios - (9687)

Erótico (13520)

Frases (48078)

Humor (19493)

Infantil (4786)

Infanto Juvenil (4142)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1344)

Poesias (139180)

Redação (3100)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2436)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5773)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cronicas-->RÚSSIA E UCRÂNIA - A Ira dos Anjos -- 28/04/2022 - 11:19 (SALETI HARTMANN) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos

RÚSSIA E UCRÂNIA

(A Ira dos anjos)

Saleti Hartmann

Poetisa

Cândido Godói-RS

 

            Abordar Temas sobre a guerra entre Rússia e Ucrânia, é ter o coração e a mente repletos de revolta, repletos de imagens de um passado não muito distante, trazido para a atualidade: um quadro de matanças de civis e inocentes, sem respeitar crianças, nem idosos.

            No Mundo inteiro ainda persistem guerras, como focos da violência e da tirania de alguns governos sem escrúpulos, cuja meta é expandir territórios, eliminar a LIBERDADE da vida dos povos, que já nem sabem mais chorar de tamanha dor.

            Não sou ativista, sou apenas uma poetisa, tentando escrever sobre um assunto pesado e dolorido para todos nós.

            A minha forma particular de escrever sobre a guerra entre a Rússia e a Ucrânia, não terá a marca política e ideológica dos fatos violentos.

            Sempre gosto de abordar esse tipo de assunto, trazendo para a reflexão, a maneira como os povos são trucidados, milhares de vidas sacrificadas por causa de interesses mesquinhos, sem piedade dos Seres Humanos que apenas querem viver na simplicidade e na tarefa diária de se manterem vivos e atuantes.

            Depois de tanto progresso material e tecnológico, pensávamos que, enfim, o Mundo estaria livre de qualquer tipo de violência, principalmente livre das guerras malditas.

            Imagens apresentadas pela mídia, mostram ao vivo e a cores, o sofrimento do povo civil, onde vidas são ceifadas apenas no seu início, onde as lágrimas dos idosos e das crianças dizem do desespero de uma situação não procurada por eles.

           

            O desenvolvimento da tecnologia traz armas cada vez mais poderosas, mais capazes de matar grandes multidões, numa barbárie sem limites.

            Grandes escritores do passado, já escreviam antecipando como seria o “futuro” no Terceiro Milênio. Com a sua inspiração, escreveram situações perversas para o nosso tempo, onde tudo o que evolui, não é a Mente nem o Conhecimento das Nações, mas sim, maneiras diferentes de matar... matar.... matar!!!

            ALDOUX HUXLEY foi um destes escritores que profetizaram, nos seus romances, a época atual, sem esconder a maldição de quem usa o seu poder Mental e “racional?” para encher novamente a Terra com sangue humano inocente.

            Abaixo, um pequeno trecho do livro ADMIRÁVEL MUNDO NOVO, de autoria de ALDOUX HUXLEY, num relato profético e infelizmente, confirmado, nas suas piores previsões:

“Uma sociedade inteiramente organizada segundo princípios científicos, na qual a mera menção das antiquadas palavras “pai” e “mãe” produzem repugnância. Um mundo de pessoas programadas em laboratório, e adestradas para cumprir seu papel numa sociedade de castas biologicamente definidas já no nascimento. Um mundo no qual a literatura, a música e o cinema só têm a função de solidificar o espírito de conformismo. Um universo que louva o avanço da técnica, a linha de montagem, a produção em série, a uniformidade, e que idolatra Henry Ford.”

            Um famoso cientista – ALBERT EINSTEIN – foi abordado qual era a sua opinião sobre as consequências de uma terceira Guerra Mundial.

            Sua resposta:

            “ Como vai ser o Mundo depois da Terceira Guerra Mundial, eu não sei te dizer, só posso afirmar que os Seres Humanos vão viver novamente na época das cavernas, vão caçar com arcos e flechas, e viverão como as primeiras raças que povoaram a Terra, sem tecnologia, sem conforto, começando tudo de novo...”

Comentarios
Perfil do AutorSeguidores: 5Exibido 46 vezesFale com o autor