Usina de Letras
Usina de Letras
78 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60374 )

Cartas ( 21289)

Contos (13387)

Cordel (10358)

Cronicas (22278)

Discursos (3194)

Ensaios - (9719)

Erótico (13520)

Frases (48268)

Humor (19559)

Infantil (4832)

Infanto Juvenil (4183)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139385)

Redação (3120)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2438)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5814)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cronicas-->O MODELO DA ESCOLA, ANTIGAMENTE -- 21/07/2022 - 22:48 (Renato Souza Ferraz) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos

A ESCOLA  ANTIGAMENTE

Renato Ferraz

 

Passeando pela cidade onde nasci e morei até os 19 anos,

lembrei da escola onde comecei a estudar quando era criança.

Naquela época, anos 60, o uniforme (fardamento) usado

era calça comprida azul marinho e camisa branca.

Havia um emblema no bolso com as iniciais

do estabelecimento (masculino).

Já o feminino era composto de saia plissada,

azul marinho, até o joelho e blusa branca,

igual ao masculino.  Sapato preto e meia branca.

Eu estudava de manhã, das 7h às 11:30h.

Havia no meio do horário das aulas um recreio (intervalo

) de meia hora, que era um dos melhores momentos do dia.

Era onde a gente brincava, lanchava, ia ao banheiro,

tomava água, etc. 

De tão bom que era, passava muito rápido e a gente,

os meninos principalmente, entrava na próxima aula suado

e acelerado de tanto correr e pular.

As brincadeiras eram bolinha de gude,

pião, esconde-esconde adivinhação, passa-anel e tantas outras.

Recordo bem quando aprendi as letras,

e a juntar as sílabas para formar palavras.

Sem entrar no mérito da crítica,

apenas fazendo uma constatação,

era comum nessa época o aprendizado

através da repetição de sons e s. Assim como os exercícios de caligrafia.

As diferenças hoje não se resumem apenas a tecnologia.

Houve mudança no papel do professor

e espaço para maior participação do aluno, nas discussões.

Antes o professor ensinava e o aluno apenas recebia

o conhecimento de uma forma pronta.

Havia um boletim que era levado, após a semana de provas,

para os pais acompanharem as notas dos alunos.

Se o aluno fosse reprovado, repetia a série.

E se cometesse alguma indisciplina

só entrava no dia seguinte acompanhado do pai.

Se fosse algo menos grave, recebia um castigo,

fazer uma quantidade de exercícios maior,

ler um texto e interpretar,

respondendo a um questionário.

Saudade da velha escola!  

 

Comentarios
Perfil do AutorSeguidores: 4Exibido 39 vezesFale com o autor