Usina de Letras
Usina de Letras
61 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59672 )

Cartas ( 21255)

Contos (13337)

Cordel (10321)

Crônicas (22226)

Discursos (3170)

Ensaios - (9538)

Erótico (13486)

Frases (47223)

Humor (19422)

Infantil (4629)

Infanto Juvenil (3942)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1340)

Poesias (138794)

Redação (3078)

Roteiro de Filme ou Novela (1061)

Teses / Monologos (2432)

Textos Jurídicos (1946)

Textos Religiosos/Sermões (5662)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Fronteiras -- 18/03/2005 - 19:59 (Antonio Jose Laurindo) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Nas Fronteiras do infinito

Um amor tão bonito

Dificil no entanto é alcançá-lo

Mais dificil ainda seria conquistá-lo



Continuar sonhando é obrigação dos amantes

Desistencias podem ser meras atenuantes

Quanto maior a demora nesta busca

melhor e mais saboraso será o fruto



Fruto com sabor de Frutas tropicais

Com clareza de agua da fonte

Com ternura de crianças sorrindo

com fogo de paixões adolescentes



Custa-me acreditar que consegui

Pergunto-me se realmente estou vivendo

Ouço o pulsar do seu coração me dizendo

Realizados estamos porque finalmente nos amamos.

Comentarios
Perfil do AutorSeguidores: 18Exibido 965 vezesFale com o autor