Usina de Letras
Usina de Letras
22 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62475 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50861)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140904)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6250)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->NO VERNÁCULO QUEM TROPEÇA MENTE. -- 08/11/2007 - 19:21 (HENRIQUE CESAR PINHEIRO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Hildebrando Neto escreveu: “Quem tropeça no vernáculo, mesmo sem querer mente”.

Nossa língua é mesmo nossa pátria.
De ambas devemos nos orgulhar.
Aqui ou em qualquer outro lugar.
Pra defesa dela temos as xátrias.
Entretanto, os crimes de lesas-patrias
Por dinheiro são sempre cometidos
Não importa o nível do envolvido.
É tão comum no meio de muita gente.
No vernáculo quem tropeça mente,
Mesmo que isso não tenha querido.

Mas aqui no Brasil bastante amado,
ela não defendemos com fervor.
Anglicismo é que damos valor,
dele sempre buscamos emprestado
qualquer termo. Gay usa-se pra veado.
Love se usa pra um ente querido.
Tudo isso já foi instituído.
O que é muito triste; bem plangente
No vernáculo quem tropeça mente,
Mesmo que isso não tenha querido.

Até a seleção de futebol,
maior orgulho do povo brasileiro
já vem lá de longe do estrangeiro,
quase toda de time espanhol
pode-se incluir mesmo neste rol.
Porém por isso ter acontecido,
somos mesmo um povo oprimido.
E mudar essa coisa é urgente.
No vernáculo quem tropeça mente,
Mesmo que isso não tenha querido.

HENRIQUE CÉSAR PINHEIRO
OUTUBRO/2007
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 197Exibido 908 vezesFale com o autor