Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
34 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59134 )

Cartas ( 21236)

Contos (13113)

Cordel (10292)

Crônicas (22195)

Discursos (3164)

Ensaios - (9439)

Erótico (13481)

Frases (46517)

Humor (19281)

Infantil (4460)

Infanto Juvenil (3726)

Letras de Música (5479)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138234)

Redação (3054)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5525)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->HORÓSCOPO PARA O NOVO ANO -- 17/12/2007 - 17:35 (Benedito Generoso da Costa) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
.
HORÓSCOPO PARA O NOVO ANO

Antes que chegue o Natal
E termine mais um ano
E outro ano igual
Traga o mesmo desengano,
Não parece nada mal
Uma mensagem virtual
De amor e calor humano.

Não sou astrólogo ou cigano,
Mas posso ler muito bem
A sorte que foi traçada,
Seja ali ou mais além;
A cada um desta Usina
Aqui vou dizer-lhe a sina
Que terá no ano que vem.

Já estou vendo alguém
Que irá ficar na mão:
Você nascido em AQUÁRIOS
Sofrerá uma traição;
A mulher que tanto ama
Vai trocar a sua cama
Pra ter outro em seu colchão.

Avisto um tubarão
Nadando em altos mares
Pra comer quem é de PEIXES,
Cuja esposa tem olhares
Para o delfim, seu amante:
Você vai sofrer bastante,
Apesar de outros pesares.

E você que é de ARIES
Melhor sorte vai ter não:
Será igual um carneiro
Comido pelo leão,
Mas isso dizer só quer
Que perderá a mulher
Para o rival, seu patrão.

Não erro na predição
A você que é de TOURO:
Vejo que será um corno
No feliz ano vindouro;
Tome cuidado no emprego,
Pois não vão lhe dar sossego
Até tirarem seu couro.

Também vai perder o ouro
E gemer na solidão
Aquele que é de GÊMEOS,
Não adianta apelação:
Ao deitar-se com você
Sua mulher sabe por quê
Transa com o seu irmão.

CANCER vai lamber o chão
E andar igual caranguejo,
Ao caminhar para trás,
Receberá um falso beijo:
Daquele melhor amigo,
Sua mulher vai comer figo
E a ele dará o queijo.

Uma triste sorte eu vejo
Para quem é de LEÃO,
Que acredita ser o máximo,
Achando-se um rei machão:
Sua mulher lhe obedece,
Enquanto a um gato apetece
E quer você no caixão.

Os que duvidam verão
Que o horóscopo não mente,
Pois se virgem todos nascem,
Um só morreu inocente:
Homem ou mulher de VIRGEM
Sofrem até uma vertigem,
Traindo-se mutuamente.

Ouço dizer diariamente
Que quem balança não cai,
Não caia nessa cilada,
Pois se o traído não trai,
Seja LIBRA ou BALANÇA,
Quem é fiel sempre dança:
Chifrudo é que você sai.

Mais uma previsão vai,
Para quem é de ESCORPIÃO:
No próximo ano terá
A maior desilusão,
Pois sua esposa dengosa,
Ao receber uma rosa,
Por trás lhe dará o ferrão.

Quem flecha um coração,
Pelas costas é alvejado,
Se você é de SAGITÁRIO,
Vai ser um atraiçoado:
No ano que se aproxima,
Somente estará por cima
Seu rival apaixonado.

CAPRICORNIANO, coitado,
Vai ter sorte igual a minha,
Mas eu só tenho a ganhar
No ano que se avizinha:
Mulher eu não vou perder,
Ao contrário, outra vou ter,
Pois já perdi a que tinha.

Quando a sorte é mesquinha,
Busca-se outra situação,
Nada é definitivo,
Tudo muda de feição;
Com fé sempre a gente vence,
O futuro a Deus pertence,
Boas Festas, meu irmão!

BENEDITO GENEROSO DA COSTA
benegcosta@yahoo.com.br
DIREITOS AUTORAIS RESERVADOS




Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 101Exibido 860 vezesFale com o autor