Usina de Letras
Usina de Letras
28 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62477 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50864)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140908)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6251)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->BANDIDAGEM TOMA CONTA DO PAÍS. -- 07/01/2008 - 21:36 (HENRIQUE CESAR PINHEIRO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Nas casas cercas, cachorros
Muros e arame farpados.
Os bandidos estão soltos,
E nós estamos guardados,
Bem protegidos, aos bandos.
Nós sozinhos, desarmados.

Nas prisões mordomias. Têm
Televisão, celular.
Nós, que pagamos tributos,
temos que nos sustentar.
Sem poder nos defender
nem ter pra quem apelar.

Direitos humanos pra eles,
Pro cidadão nem pensar.
Polícia não pode agir,
Tem que se deixar matar.
Se ela mata um bandido
até OAB vai protestar.

Nas ruas os bandidos fazem
Um verdadeiro arrastão;
Fecham lojas, shoppings;
amedrontam a população,
que indefesa se esconde
sem tábua de salvação.

De nossas autoridades
Só discurso falação
Para enganar o povo
Na época de eleição.
Depois se foda o povo
Vão curtir a posição.

E o povo trabalhador
Que come uma vez por dia
Assiste protesto de presos
Brigando por mais mordomia
Que quer visita íntima
e um monte de regalia.

Trabalhador sem direito
E sem ter carta de alforria
Do pouco que ganha tem
que sustentar sua senhoria

Que esbanja nosso dinheiro
Em farras, festas, putaria.

Um médico foi atacado
Por bandidos num sinal.
Secretário, bem falante,
disparou seu arsenal;
botou a culpa na polícia
e excluiu o seu pardal.

Após investigações
médico será culpado
Por andar tarde da noite
Coisa pra desocupado,
e vai ficar aleijado
Para pagar “seu pecado”.

Por estudar medicina,
E doutor ter se formado
E muitas vezes ter salvo
a vida de celerado.
Pois o governo não gosta
De quem é mesmo letrado.

Os bandidos são somente
Os autores materiais
Enquanto às autoridades,
autores intelectuais,
falta sensibilidade
por quererem ser os tais.

HENRIQUE CÉSAR PINHEIRO
JANEIRO/ 2008
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 197Exibido 869 vezesFale com o autor