Usina de Letras
Usina de Letras
41 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59656 )

Cartas ( 21253)

Contos (13324)

Cordel (10319)

Crônicas (22226)

Discursos (3169)

Ensaios - (9535)

Erótico (13486)

Frases (47208)

Humor (19423)

Infantil (4618)

Infanto Juvenil (3936)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1340)

Poesias (138764)

Redação (3078)

Roteiro de Filme ou Novela (1061)

Teses / Monologos (2432)

Textos Jurídicos (1946)

Textos Religiosos/Sermões (5656)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Põe Põe cê dispõe? -- 16/04/2005 - 16:01 (Ari de souza) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Balões pulavam como pipocas num verão de domingo,

crianças berravam feito cabritinho,

e a comida estava uma maravilha.



A música caiu,

Tossil soou como um relâmpago inflamado de trovão.

Espirrou bolo na cabeça de Camila,

que sacudiu as pulgas de glacê

numa espetacular fuga cinematográfica.

bateu aqui, escorregou ali,

muita da bagunça dava pra se ver.



Saiu daquela festa horrorosa,

e foi rolar na grama de cetim orvalhado.



Sorriu,

mostrou dentes de canil.

Ficou com cheiro de docinho no focinho,

e lambeu tudo direitinho.



Toda essa historinha,

Foi para ver Camila

Ter sonhos de menina,

Apesar de ser uma cadela,

Muito da bonitinha.

Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui