Usina de Letras
Usina de Letras
40 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62475 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50863)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140908)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6250)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->O MOSQUITO DA DENGUE. -- 29/05/2008 - 11:07 (HENRIQUE CESAR PINHEIRO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
O homem bem poderoso
Se acha o dono da Terra
Mas um pequeno mosquito
O pica, e ele se ferra.
Têm as picadas que matam
E o cara se enterra.

Por ano o mosquito mata
Quase três milhões de pessoas.
Destruir seu habitat
Matas, mares, rios e lagoas,
Sua lava já prolifera
Agora não só em gamboas.

A culpa é toda nossa
Que destruímos a Terra.
Acabamos com os mares
E ainda fazemos guerra.
As matas estão destruídas
Porque árvore se serra.

Não temos nenhum cuidado
Em preservar meio-ambiente.
Não fazemos nossa parte
A Terra virou indigente.
Lixo, garrafa e plástico
Tudo muito evidente.


Povo cobra do governo,
Mas não dá contribuição.
Nas ruas joga os entulhos
Por falta de educação.
É desta forma que a dengue
Aumenta em profusão.

As ruas de nossas cidades
Atraem ave de rapina
Tem tudo que é porcaria.
E parece uma latrina.
É assim aqui no Brasil
E na América Latina.


Mandamos foguete à lua
Pois somos inteligentes.
Porém, somos todos ainda
Bastante ineficientes.
Pois não deixamos de ser
Do dinheiro seus servientes.

O homem não tem consciência
Que a Terra é sua morada
E com a sua destruição
A vida fica encrencada
Daqui sua população
Jamais será transportada.

A explosão demográfica
Deveria ser controlada
Pois nos últimos anos
Foi bem grande; desenfreada.
O que muito contribui
Pra Terra ser maltratada.

O homem não que entender
Que cava sua sepultura
Urgentemente deve
Mudar essa sua cultura.
De só pensar em dinheiro,
Em lucro fácil: na usura.


HENRIQUE CÉSAR PINHEIRO
FORTALEZA, MAIO DE 2008

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 197Exibido 1107 vezesFale com o autor