Usina de Letras
Usina de Letras
16 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62477 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50864)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140908)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6251)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->O QUÊ É MEIA IDADE. -- 01/06/2009 - 19:48 (HENRIQUE CESAR PINHEIRO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
A vida tem várias fases:
Infância, a tenra idade.
Depois a adolescência
Logo após a mocidade.
Por último a velhice
Foi-se a vitalidade.

A infância é a fase
Somente da brincadeira.
A adolescência época
Que se faz muita besteira,
E também contestação
De tudo que é maneira.

É quando o homem começa
A ter bastante tesão.
Também é nesta época
De muita definição
Se o homem vai ser homem,
Se mulher é sapatão.

De dezoito a trinta anos
Vem a nossa juventude.
Arranjamos namorada
Que passa a ser um grude.
Apaixonados casamos.
Besteira nossa atitude.

Tudo muito romântico
O trabalho dá prazer.
Começam a vim os filhos
Por quem se passa a viver.
Logo depois com os netos,
Começa-se esmorecer.

A meia idade é quando
Não há prazer no trabalho.
Mas trabalho no prazer.
E aquilo virou espantalho,
Que muitas vezes nem viagra
Faz levantar o paspalho.

HENRIQUE CÉSAR PINHEIRO
FORTALEZA, MAIO/2009.
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 197Exibido 815 vezesFale com o autor