Usina de Letras
Usina de Letras
22 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62477 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50864)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140908)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6251)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->CONSERTO PRO APLICATIVO ESPOSA PONTO UM. -- 11/06/2009 - 18:08 (HENRIQUE CESAR PINHEIRO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos


Suas queixas são muito comuns
Às de todo usuário,
Que migra pensando ser
Esposa um utilitário,
E bom entretenimento.
Mas é só coisa de otário.

Pois esposa ponto um
Foi criado pra controlar
Sistema operacional,
Em todo e qualquer lugar.
Ao se instalar é quase
impossível retirar.

E pra noiva ponto um
O cara querer voltar,
Os aplicativos filhos
Não há como deletar.
Foram criados por esposa
Para o programa rodar.

Já formataram sistemas;
Instalaram noiva plus.
Se o esposa ponto um
Existir, sempre conduz
À pensão alimentícia
E muitos outros angus.

Uma das boas soluções
É comando desculpar
Exe/flores/all quando
Qualquer programa travar.
Não se deve usar muito
A tecla “esc” de escapar.

Rentabilidade do esposa
Melhora com flores ponto um.
Férias, jóias ponto três dois
Dão resultado incomum.
Tem péssima consequência
Exe/ ponto dois bebum.

Programa seis ponto três,
Secretária de minissaia
Traz muitas complicações
E nessa asneira não caia.
O da antiga namorada,
Rápido corra da raia.

O programa sexo ponto oito
Esse roda quando quer.
Programa esposa ponto um
Instale, se usar souber,
Senão problemas terá
Pra sempre com a mulher.

HENRIQUE CÉSAR PINHEIRO
JUNHO/2009
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 197Exibido 718 vezesFale com o autor