Usina de Letras
Usina de Letras
60 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60362 )

Cartas ( 21289)

Contos (13387)

Cordel (10358)

Cronicas (22277)

Discursos (3193)

Ensaios - (9714)

Erótico (13520)

Frases (48249)

Humor (19550)

Infantil (4828)

Infanto Juvenil (4178)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139358)

Redação (3118)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2438)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5812)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Artigos-->Mulher -- 18/02/2001 - 16:06 (Ana Mendonça) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Muitas foram as vezes que senti-me desprezada por ser o que sou.

Ultrapassei obstáculos, fui derrubada, reergui-me, segui...

Lutei com minha própria classe, esbravejei, e muitas vezes fraquejei.

Homenageei com sentimento profundo quem colocou-me no chão.

Enrijecida tornei-me pelos tombos, afrontas e insultos.

Recorri ao bom senso e permaneci calada, trabalhando em silêncio.



Suor não me faltou, uma vida de labor me sustentou.

Íntimo vitorioso à cada palavra contra mim lançada.

Maior evidência não podia acontecer, minha classe começava vencer.

Brinquei de submissão, foi divertido, via em semblantes, o sabor da ilusão.

Ontem, nem falava, hoje solto a voz clara e firme para que todos ouçam.

Longo foi o tempo de luta para a vitória alcançar...Ela chegou!!!

Odioso preconceito se dissipa a todo vapor.



Doei sorrisos aos insultos proferidos por mentes menos esclarecidas.

Ondeei nas estradas da vida, mas consegui ser admirada, respeitada.



Agora, pouca coisa resta a fazer, é só continuar procurando espaço.

Melhorando a cada amanhecer, em cada entardecer...Anoitecer.

Ouvir o coração misturado com a razão, então, resplandecer.

Rumar para o infinito sentimento de mulher e vitoriosa permanecer.



Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui