Usina de Letras
Usina de Letras
65 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60343 )

Cartas ( 21288)

Contos (13385)

Cordel (10358)

Cronicas (22275)

Discursos (3191)

Ensaios - (9711)

Erótico (13520)

Frases (48222)

Humor (19544)

Infantil (4823)

Infanto Juvenil (4171)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139323)

Redação (3114)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2437)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5804)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Despedida sem ida -- 20/05/2006 - 07:25 (AROLDO A MEDEIROS) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Despedida sem ida



Trabalho com amor

Amo com ardor

Rezo com louvor

Odeio a violência com furor

Meus amigos choram sem pudor.

Ao racista um adeus, de quem tem ...

A tristeza de ir e vir atrás da ...

Solidão insólita que deixa ...

À alegria um beijo lascivo, ou melhor

Uma baita saudade de um amigo.



Tudo bem se me for?



O trabalho sentirá minha falta

A igreja não terá minha companhia

A violência continuará se expandindo

Os amigos, sei que vão chorar

Os excluídos lutarão por espaços à minha volta

A tristeza se expandirá com mais afinco

Sozinho ficarei, sem vocês ...

A alegria se afastará por falta de incentivo

A saudade baterá em todas as portas.



Por isso me aturem por muito mais tempo.

Comentarios
Perfil do AutorSeguidores: 16Exibido 768 vezesFale com o autor