Usina de Letras
Usina de Letras
38 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62475 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50863)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140908)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6250)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->QUAL O TAMANHA DO ROUBA NAS COPAS DO BRASIL? -- 17/04/2013 - 16:17 (HENRIQUE CESAR PINHEIRO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Vem aí Copa do Mundo
E a das Confederações
Os estádios no país
Vão tendo inaugurações.
Arena pra todo lado
Não há mais Castelões.

Na época dos generais
Fizeram o Minerão
No Ceará construíram
O estádio Castelão
Em Recife Pernambuco
O conhecido Arrudão.

Em São Paulo Lula fez
Um estádio pro timão
Do dinheiro do povo
Gastou mais de um bilhão.
Em alguns não se previa
Gastos com iluminação.

No estádio de Brasília
Esqueceram do gramado.
No Amazonas fizeram um
Que, depois de inaugurado,
Não terá mais serventia,
Futebol não é jogado.

Média de público lá
É menor que mil pagantes.
Estádio tem capacidade
Pra muito mais ocupantes
Perto de cinquenta mil
Quantia bastante gigante.

Para jogos do Rio Negro,
No campeonato local,
Antigo Vivaldo Lima
Era bastante ideal.
Não estádio fabuloso
Pra série D Nacional.

No Estado do Ceará
Fortaleza, Ceará, Ferrim,
Com um futebol de várzea
Jogar ali é ruim.
Coisa mesmo das cabeças
De Teixeira e de Marim.

Estádio pro Barcelona
Não pra jogo do Betim
Tampouco para abrigar
Ceará e Mogi Mirim
Mas isso é o Brasil.
Tudo se resolve assim.

Quase noventa por cento,
Na cidade de Cuiabá,
Obras da Copa do Mundo
Estão ainda por acabar.
Não sei como o governo
Vai conseguir se virar.

O descaso é total
Bem maior a roubalheira
Quinhentos e vinte milhões
Pro Pan era a brincadeira
Muito mais de três bilhões
Pagamos pela besteira.

E quanto não será gasto
Nestas duas competições?
Com obras pra todo lado
Tem bem mais ocasiões
Poderia faltar cadeira
Pra prender todos ladrões.

O Brasil é muito rico.
Tem ladrão em profusão.
A política usam bem
Para exercer sua função.
Não tem um só político
Preso na nossa Nação.


HENRIQUE CÉSAR PINHEIRO
FORTALEZA, ABRIL/2013


Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 197Exibido 339 vezesFale com o autor