Usina de Letras
Usina de Letras
25 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62475 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50861)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140904)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6250)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->OBRIGADO A ROBERTO E ERASMO CARLOS -- 10/04/2014 - 17:18 (HENRIQUE CESAR PINHEIRO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
A Roberto e Erasmo Carlos
Nosso muito obrigado
Por comporem belas músicas
E ter Jovem Guarda criado.
Pois se não fossem vocês
Brasil estava enrascado.

Sem as Tardes de Domingo
Nossa bela juventude
Tinha sido recrutada
E perdido a plenitude.
Ao comunismo abraçada,
Haveria mais ataúdes.

Juventude alienada
Diziam os comunistas.
Para eles só eram bons
Os que fossem esquerdistas.
E quem tocavam guitarra:
Burros e capitalistas.

Devemos também muito
Ao príncipe Ronnie Von.
A Eduardo Araújo
Com sua música o Bom.
Caetano, Gil, Chico Buarque
De comunistas era o som.

Não discuto a qualidade,
Mas a influência nefasta
Que traria para o povo,
Se assume aquela casta.
Ter o PT no país
É demais e já basta.

Para minha geração
Senão fosse a Jovem Guarda
Nós teríamos morrido,
Matado gente de farda.
Hoje herói ou réu,
Dessa comissão bastada.

Ao invés de ouvir Detalhes,
Ia ouvir som de metralha.
Sem ter roupa colorida,
E sim, vestindo mortalha.
Não iriamos ao colégio,
Mas pra campo de batalha.

Preferível se ouvir Quando,
Pobre Menina, Querida,
A se tornar guerrilheiro
Terrorista homicida.
E essa gente tem pensão
Por haver sido bandida.

Por matar gente inocente,
Também a nossa polícia.
Hoje país foi tomado
Controlada por milícia.
E Vanessa Popozuda
Se tornar grande notícia.

E ainda foi transformada
Numa grande pensadora.
Quando é na realidade
Da cultura matadora
Isso se dá graça à gente
Que de Marx foi sua leitora.

Parabéns Roberto Carlos,
Leno, Vanderlei Cardoso,
Eduardo Araújo, Evinha
Com vocês fiquei idoso.
Não me acompanhei com
Esse povo mentiroso,

Que tornou nosso Brasil
Um antro de corrupção,
Tomando tudo que podem.
Devastam nossa Nação.
E devemos ter cuidado
Está chegando a eleição.

HENRIQUE CÉSAR PINHEIRO
FORTALEZA, ABRIL/2014.
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 197Exibido 271 vezesFale com o autor