Usina de Letras
Usina de Letras
29 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62484 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10471)
Erótico (13578)
Frases (50871)
Humor (20083)
Infantil (5503)
Infanto Juvenil (4822)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140912)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6251)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->PRESIDENTA INOCENTA -- 10/08/2016 - 21:24 (HENRIQUE CESAR PINHEIRO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos




Pra governar o País




Colocaram uma Anta




Com uma linguagem pobre




Que só a petista encanta




Nessa linguagem tosca




Graziotin a Anta suplanta.




 




Deputada comunista,

Vanessa Graziotin,

Em toda sessão plenácute;ria;

Costuma dar seus pantins.

E fala língua estranha

Nem Português, nem Latim.



Para agradar a sua dona,

Dilma, a tal presidenta,

Inventou um novo termo:

“De presidenta inocenta.”

Esse termo só podia

Partir mesmo dessa genta,



Que diz acima do bem,

Do mal, mas incompetenta.

E a cada dia que passa

Cria palavras surpreendentas.

Pra retardar impeachement

Luta na linha de frenta.



Apela de todo jeito

De forma inconsequenta.

E na maiorias das vezes

Quer dácute; uma de sapienta.

Por pouco conhecimento

Devia ser mais prudenta.



Também erraria bem menos,

Ficando um pouco silenta.

Deixar de falar besteira

E ser incovenienta.

Pois na inocência de Dilma

Não acredita nem crentas.



Somente os comunistas

Ou quem é mesmo doenta.

Na Presidência do País

Não se aguenta mais essa enta.

A saída dela do governo

Até previu uma videnta.



HENRIQUE CÉSAR PINHEIRO

FORTALEZA, AGOSTO/2016.


Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 197Exibido 1182 vezesFale com o autor