Usina de Letras
Usina de Letras
32 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62477 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50864)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140908)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6251)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->NA ONDA DO FEMINISMO -- 16/03/2017 - 16:18 (HENRIQUE CESAR PINHEIRO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos


Essa onda feminista

Nos trarácute; grande dilema.

No futuro, casamento

Serácute; até um problema

Entre homens e mulheres

Porque mudaram de esquema.



Mulher virando de lado,

Homem queimando o caneco.

Homem deixando a mulher

Pra se juntar com traveco.

Mulher vivendo com outra

Faz sucesso e tem muito eco.



A gestação feminina

Não decorrer mais de afeto.

Hoje bebê de proveta

Deixou de ser um projeto.

Homem e mulher querem filhos

Através de Paracleto.



Nada contra o casamento

Chamado homoafetivo.

Só acho não ser normal

Por variados motivos.

Pra ter filho precisa-se

Ter órgão reprodutivo;



Porque um homem não pode

Outro homem engravidar;

Assim como uma mulher

Com outra não vai procriar.

Dois homens criando criança

É coisa pra se estranhar.



No futuro vão vender sêmen

Em lojas, supermercados.

Como jácute; acontece hoje

Com venda de sêmem de gado

Antes somente em curral

O gado era fecundado.



As futuras gerações

Podem deixar de existir

Se homem não pode ser pai

Mulher deixar de parir

Sem sêmen pra fecundar

Óvulo, não hácute; o porvir.



Com fecudação in vitro

Pai pode ser pai do neto

E pode fecundar filha

De um modo indireto.

Um filho fecundar mãe

Incesto, estupro, correto?



Nunca foi homofóbico,

Pra usar termo do momento,

E muito menos sou contra

Qualquer relacionamento.

Mas que haja discrição

No haro do acasalamento.



HENRIQUE CÉSAR PINHEIRO

FORTALEZA, MARÇO/2017


Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 197Exibido 203 vezesFale com o autor