Usina de Letras
Usina de Letras
70 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60365 )

Cartas ( 21289)

Contos (13387)

Cordel (10358)

Cronicas (22277)

Discursos (3194)

Ensaios - (9715)

Erótico (13520)

Frases (48251)

Humor (19553)

Infantil (4829)

Infanto Juvenil (4180)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139363)

Redação (3118)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2438)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5812)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->POETA -- 30/08/2007 - 17:20 (Alexandre Oliveira) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
POETA



Provavelmente apagaste

O meu nome por ledo engano,

E de mim fizeste um ídolo de pano...

Tão fácil de manipular. Mas...

Amanhã talvez, tínhamos que tudo revelar.



Na verdade afastasse de ti

Esse amor que eu tinha para te dar.



Tudo é mesmo assim...

Quando a tudo nos apegamos,

Sem mesmo querer, afagamos...

O que ainda nessa vida nos resta.



Comentarios
Perfil do AutorSeguidores: 0Exibido 607 vezesFale com o autor