Usina de Letras
Usina de Letras
45 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62475 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50861)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140903)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6250)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Soneto LVII, de Shakespeare. Lei da Atração -- 10/03/2008 - 13:26 (Elpídio de Toledo) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Clic aqui: Lei da Atração





texto

















LVII

Sendo teu escravo o que deveria eu fazer

para assistir-te quando tomada de desejo?

Estou completamente ocioso,

não há o que fazer, até que me intimes.

E quem sou eu para increpar a eternidade,

submeto-me a intermináveis horas por ti, minha rainha,

nem me lembro da amargura da acre ausência,

de quando disseste adeus ao teu servo;

nem ouso prescrutar com meu pensar ciumento

onde podes estar, ou como vão seus afazeres,

mas, como um escravo triste, fique e pense totalmente

livre, onde estás, quanto mais feliz eles lhe deixem.

Tão realmente tolo me fez o amor que, por meu desejo,

não penso em fazer nada, não penso em nenhum mal.



LVII



Being your slave what should I do but tend

Upon the hours, and times of your desire?

I have no precious time at all to spend;

Nor services to do, till you require.

Nor dare I chide the world without end hour,

Whilst I, my sovereign, watch the clock for you,

Nor think the bitterness of absence sour,

When you have bid your servant once adieu;

Nor dare I question with my jealous thought

Where you may be, or your affairs suppose,

But, like a sad slave, stay and think of nought

Save, where you are, how happy you make those.

So true a fool is love, that in your will,

Though you do anything, he thinks no ill.











text



















Veja mais, clique aqui:==>>> Elpídio de Toledo





























































Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui