Usina de Letras
Usina de Letras
71 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59807 )

Cartas ( 21263)

Contos (13364)

Cordel (10327)

Cronicas (22226)

Discursos (3173)

Ensaios - (9574)

Erótico (13486)

Frases (47456)

Humor (19436)

Infantil (4673)

Infanto Juvenil (4003)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1340)

Poesias (138973)

Redação (3078)

Roteiro de Filme ou Novela (1061)

Teses / Monologos (2436)

Textos Jurídicos (1946)

Textos Religiosos/Sermões (5700)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Com justiça e amor -- 14/05/2008 - 23:21 (VERA LUCIA MEIRA FURTADO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos


Melodias doces em harpas,

Envolvem minha alma

Sinto o chegar, de anjos em luz

E tudo em volta me acalenta, me acalma.



Meu pensar no mundo que existo,

Deixa me triste, com tanta dor,

Sofrem justos, alegram-se injustos

Porque não, esbanjar justiça e amor.



Sintamos irmãos,como amados filhos,

Tiremos do abandono, nossos menores,

Para um dia, eles possam gritar:

Recebemos a luz estamos melhores.



Apos suplicar, eis o socorro que chega,

Luzes e corês, envolvem ao redor.

Paz e alegria , dissolvem tristezas,

Num só sustinido, eles possam cantar.



Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui