Usina de Letras
Usina de Letras
47 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62475 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50861)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140903)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6250)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Algema. Manilla. Handschelle. Menotte. Manetta. Handcuff. -- 22/06/2010 - 08:32 (Elpídio de Toledo) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Veja mais==>>>Einstein no caminho de Drummond. Ein Stein...uma pedra...

texto











































1Deficiente é quem

não consegue mais mudar

a vida que mantém:

ter de todos acatar.



2 Aceita imposições

de outros deficientes,

em meio às multidões

de sinas inconscientes.



3 Louco é, pois não procura

ser feliz com o que tem,

só enxerga a usura,

quer sempre mais de alguém.



4 Cercado por seus problemas

e suas dores pequenas,

não vê que suas algemas

cegam-no de outras cenas.



5 Em volta dele há frio,

há fome e muita miséria;

apelos nunca ouviu,

por pressa de fazer féria.



6 Não consegue nem falar

o que sente todo dia,

sabe mais é escoimar

a sua hipocrisia.



7 Sua perna fica presa

quando alguém lhe implora

que lhe venha em defesa,

e a ninguém adjutora.



8 Não vive em amargura,

doce não sabe ser mais,

amor nesta criatura

ficou só nos esponsais.



9 Sua pior qualidade,

ser sórdido, miserável,

não lhe dá impunidade,

nem o torna mais louvável.



10 Não é amigo de Deus

quem não trava amizade,

os inimigos são seus,

vive sem capacidade.



11 Em suma: deficiente,

louco, cego e surdo,

mudo, bobo, reticente,

sofre mais do que um curdo.



12 Paralisia de graça,

diabetes em doçura,

tão grossa é a carcaça

que nem Deus mais o atura.



1Deficiente es quién

no consigue más cambiar

la vida que mantiene:

debe de todos aceptar.



2Él acepta las imposiciones

de otros deficientes,

en medio de las muchedumbres

de destinos inconscientes.



3Loco es, pues él no procura

estar contento con lo que tiene,

él sólo ve la usura,

siempre quiere más de alguien.



4Rodeado por sus problemas

y sus dolores pequeños,

él no ve que sus manillas

lo deslumbran de otras escenas.



5Alrededor de él hay frío,

hay hambre y mucha miseria;

apelaciones que él nunca oyó,

por la prisa de hacer la féria.



6Él no consigue ni decir

lo qué siente todos los días,

sabe más es omitir

su propia hipocresía.



7Su pierna se queda presa

cuando alguien lo implora,

por tener mucha pobreza,

y a nadie él ayuda.



8Él no vive en la amargura,

dulce se olvidó de ser,

amor en esta criatura

no más va volver.



9Su peor calidad,

ser sórdido, miserable,

no le da impunidad,

ni lo hace más laudable.



10Él no es amigo de Dios

quién no consigue la amistad,

los enemigos son suyos,

él vive sin capacitad.



11Para abreviar: deficiente,

loco, deslumbre y sordo,

la persona muda, engañe, reservado,

él sufre más de un curdo.



12La parálisis de gracia,

la diabetes en la dulzura,

así espeso es el cadáver

que ni Dios más lo resiste.



1 Deficient is who

doesn`t get more to change

the life that maintains:

he must of all to accept.



2 He accepts impositions

of other deficient ones,

amid the crowds

of unconscious fates.



3 Crazy is, therefore he doesn`t seek

to be happy with what got,

he only sees the interest,

always wants more of somebody.



4 Surrounded by their problems

and their small pains,

he doesn`t see that their handcuffs

they blind him of other scenes.



5Around him there is cold,

there are hunger and a lot of poverty;

appeals he never heard,

for hurry of doing salary.



6 He doesn`t get nor to speak

what feels every day,

what he knows more it is to hide

his own hypocrisy.



7 His leg stays arrested

when somebody implores him

that he comes in defense,

and anybody he helps.



8 He doesn`t live in bitterness,

candy doesn`t forgot how to be ,

love in this creature

it was alone in the marriage .



9 His worst quality,

to be sordid, miserable,

it doesn`t give him impunity,

nor it turns him more praiseworthy.



10He is not friend of God

who doesn`t get friendship,

the enemies are yours,

he lives with firewater.



11In short: deficient,

crazy, blind and deaf,

mute person, fool, reticent,

he suffers more than a Kurd.



12Paralysis of grace,

diabetes in sweetness,

so thick it is the carcass

that nor God more stands him.

































































































































Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui