Usina de Letras
Usina de Letras
21 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62475 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50863)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140908)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6250)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Abrevie! -- 24/01/2012 - 19:59 (Elpídio de Toledo) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Marquee>Veja mais==>A parte do leão.



texto





O medo de perder a vida gera uma curiosidade

em muitas pessoas, quando ouvem falar

sobre o fim do mundo, como uma possibilidade

dele ocorrer e, dentro de um ano chegar.



Eu tenho breve mensagem para 2013, para o futuro,

que não existe, exceto no presente momento;

é mensagem para os que nos vêm em disco rígido, duro,

no ano de 2014, pessoas de bom discernimento.



Estas nos veem agora, pois nenhum futuro existe

em termos de experiência, não há nada nele de real:

"Ôi, alô 2014! Você está sabendo que o mundo persiste

Ou, talvez, todas as lembranças de 2013 virarão mingau!"



Não existe o futuro em termos fundamentais,

e somente por isso não costumo fazer previsões.

Ele só existe em termos convencionais,

em diferentes patamares de planos de ações.



Você pode verificar isso por você mesmo,

nós vamos ficar aqui, por enquanto, em termos convencionais

e, depois, vamos sair desta sala para chá com torresmo;

isso vai acontecer e é futuro, em termos não fundamentais.



Mas na vida de fundamento você não experimenta

o que acabo de descrever como futuro.

Você só pode experimentar isso quando atenta,

no momento presente, neste chão duro.



Isso porque o futuro nunca está aqui,

está somente em nossas mentes.

Sendo tão óbvio o seu não existir,

dizemos que ele não tem raízes, nem sementes.



Do contrário, seria dito: eis o futuro, aqui está.

Isso se aplica também ao passado,

e dele também não há nada a considerar;

mesmo assim, algo deve ser comentado.



Em termos convencionais, faço agora uma predição.

É sobre o fim do mundo. Todos os que hoje estão vivos

neste planeta, nos próximos 90 anos desaparecerão.

Todos aqui estão certos disso e bem receptivos.



De todos ora vivos neste planeta, uma total exterminação.

Afinal de contas, isso se dará em poucos anos.

Com toda generosidade, de cem anos não passarão.

Mas a natureza sabe compensar os seus danos.



Você poderá nos lembrar que outros estarão nascendo,

e isso é verdade, outros virão, a partir de amanhã,

mas em termos convencionais o que você está vendo

é que isso em nada lhe ajudará, é de ficar tantã...



É simples pensamento confortador, mas não resolve

pensar que outros virão, se você e todos os terráqueos se vão;

e todos se vão; mediante doenças terríveis se dissolve

cada um, é a morte por velhice, por acidentes, coração...



Então, naquilo que lhes diz respeito,

esse será o fim do mundo.

Não parece tão terrível ser assim desfeito,

depois de ficar moribundo.





























Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui