Usina de Letras
Usina de Letras
68 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60373 )

Cartas ( 21289)

Contos (13387)

Cordel (10358)

Cronicas (22278)

Discursos (3194)

Ensaios - (9718)

Erótico (13520)

Frases (48265)

Humor (19557)

Infantil (4831)

Infanto Juvenil (4183)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139381)

Redação (3120)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2438)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5813)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Cada eleitor, um palhaço, sem traje e sem picadeiro -- 26/07/2012 - 14:42 (Félix Maier) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos




Pedro Ernesto Filho e Jonas Bezerra



Mote : Cada eleitor, um palhaço,



            Sem traje e sem picadeiro.



 



Pedro Ernesto Filho



 



Líder da situação



Faz da vida um episódio



Elege quem está no pódio



E fica na oposição,



Quando é na próxima eleição



Retorna ao mesmo poleiro



E o cidadão brasileiro



Não se defende do laço



Cada eleitor, um palhaço,



Sem traje e sem picadeiro.



 



Jonas Bezerra



 



Até o pobre sofrido



Nas eleições tem valor



E nessa farsa o eleitor



Ainda vive iludido,



Com promessa de partido,



Com discurso lisonjeiro,



Com emprego, com dinheiro



Com sorriso e com abraço



Cada eleitor, um palhaço,



Sem traje e sem picadeiro.



 



Pedro Ernesto Filho



 



A sigla majoritária



Carece de lealdade,



Não há mais fidelidade



Na legenda partidária,



Campanha milionária



Leva o povo ao cativeiro,



Quem vota é prisioneiro



Dos ajustes do fracasso



Cada eleitor, um palhaço,



Sem traje e sem picadeiro.



 



Jonas Bezerra



 



A única arma que tem



É o título eleitoral



Mas já tem sido normal



Votar sem saber em quem,



Por isso é que sempre vem



Corrupto no seu terreiro,



Promete um Brasil inteiro



E não realiza um pedaço



Cada eleitor, um palhaço,



Sem traje e sem picadeiro.



 



Pedro Ernesto Filho



 



Por isso é que Tiririca



Abusou de ser palhaço



E foi conquistar espaço



Onde só tem gente rica,



"Pior do que está não fica"



Foi seu lema pioneiro,



No desastre eleitoreiro



Arrastou três pelo braço



cada eleitor, um palhaço,



Sem traje e sem picadeiro.



 



Jonas Bezerra



 



Se a ficha limpa é vitória



Não sei se é tão efetiva



Ou mais uma tentativa



De refazer a história,



O pior é que a memória



Do eleitor brasileiro



Não lembra o erro primeiro



E age no mesmo embaraço.



Cada eleitor, um palhaço



Sem traje e sem picadeiro.



 



Tags



América Latina
Argentina
Bolívia
Brasil
Castro
Che Guevara
Chávez
Colômbia
Colômbia. Farc
Cuba
Dilma Rousseff
Direito
Estados Unidos
Europa
FARC
FHC
Farc
Fidel Castro
Folha de S. Paulo
Foro de S. Paulo
Foro de São Paulo
Hitler
Honduras
Hugo Chávez
Igreja Católica
Islamismo
Israel
Jihad
Lula
MST
Marx
O Estado de São Paulo
O Globo
ONU
Obama
Oriente Médio
Rede Globo
Venezuela
aborto
ahmadinejad
ambientalismo
antissemitismo
brasil
capitalismo
cinema
ciência
comunismo
conservadorismo
cristianismo
cultura
cultural
denúncia
desinformação
direito
ditadura
doutrinação
economia
editorial
educação
eleições
esquerdismo
globalismo
governo do PT
história
holocausto
homeschooling
ideologia
islamismo
liberalismo
marxismo
media watch
movimento gay
movimento revolucionário
nazismo
notícias falantes
notícias faltantes
oriente médio
perseguição anticristã
politicamente correto
racismo
religião
revolução
socialismo
terrorismo
tortura
totalitarismo
2012



 



Leia os textos de Félix Maier acessando os blogs e sites abaixo:



Blog do Félix Maier: PIRACEMA - Nadando contra a corrente



Mídia Sem Máscara – Félix Maier



Netsaber - artigos de Félix Maier



Félix Maier- Autores do Webartigos.com



Félix Maier- Usina de Letras



Blog do Félix Maier: Wikipédia do Terrorismo no Brasil



 





Comentarios
Perfil do AutorSeguidores: 490Exibido 547 vezesFale com o autor