Usina de Letras
Usina de Letras
31 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62476 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50863)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140908)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6251)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Serpente sempre cobra. -- 22/06/2014 - 00:11 (Elpídio de Toledo) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Clique com o dedo direito no meu nome,

a seguir, e escolha "abrir em nova janela" para ouvir essa música de minha

lavra e parceria com Eduardo Toledo. Minha gaita Honner dá o tchã,

enquanto a voz dele se evidencia.

texto

Serpente prenhe que cobra

dos deuses pele nova,

peleja, peja e se desdobra

pra fazer sua desova.



A bolsa se arrebenta,

sobrinhas da vizinha

nascem de forma lenta,

e a mãe as desaninha.



Sente falta de banana,

de uma perna sinistra,

sua; breca é muito sacana,

essa fruta não tem listra.



Serpiente embarazada que cobra

de Dios la piel nueva,

batalla, peja y se aplasta

para hacer su desova.



La bolsa se aplasta ,

sobrinas de la vecina

nacen lentamente,

y _ la madre las desaniña.



Ella extraña la falta del plátano,

de una pierna siniestra,

ella suda, es muy bastarda la calambre,

su asistente le da la fruta.



Pregnant snake charges

from the gods new skin,

battle, peja and unfolds

to make their spawning.



The pouch ruptures,

nieces of the neighboring

born slowly,

and the mother unnests them.



She feels lack of banana

in its sinister leg,

she sweats, cramp is very bastard,

its attendant gives it the fruit.

















































































Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui