Usina de Letras
Usina de Letras
67 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60373 )

Cartas ( 21289)

Contos (13387)

Cordel (10358)

Cronicas (22278)

Discursos (3194)

Ensaios - (9718)

Erótico (13520)

Frases (48265)

Humor (19557)

Infantil (4831)

Infanto Juvenil (4183)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139381)

Redação (3120)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2438)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5813)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Atração Platônica -- 01/04/2015 - 14:00 (Adair Ferreira de Oliveira) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Chega perto de mim, exalando prazer.

Como fêmea selvagem querendo sugar minha alma e meu ser

Em êxtase me dou, sem saber dizer não

Porque só você sabe provocar loucuras no meu coração



Eu não sei resistir ao seu jogo de olhar

O teu cheiro me excita, provoca, me agita Deus eu quero gritar.

Você faz o que quer e quando quero correr

me arrebata do corpo, me coloca num jogo que não sei vencer



Escravo em suas mãos, fugir não sou capaz.

Amante submisso da própria libido num desejo voraz

Você faz o que faz com um simples olhar

Provocando tontura ,semeando a loucura que faz delirar



Me deixo abduzir como escravo fiel

A realidade se perde e a saudade se faz inimigo cruel

Quando você sorri, sinto frio e calor

Não consigo fugir e nem se eu quero negar este amor





Já tentei te esquecer, jurar que é ilusão

Já pensei em morrer por não compreender a dor da solidão

Tentei ficar sozinho e descobri que não dá

Não importa o que faça, tudo perde a graça se você não está.



Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui