Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
149 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59051 )

Cartas ( 21235)

Contos (13082)

Cordel (10287)

Crônicas (22190)

Discursos (3163)

Ensaios - (9407)

Erótico (13483)

Frases (46409)

Humor (19253)

Infantil (4424)

Infanto Juvenil (3679)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1336)

Poesias (138158)

Redação (3049)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5502)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Vivereis -- 27/07/2020 - 11:09 (Leonardo Koury Martins) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
.

Sou a sua boca

Que beija desordenada

Sem limites

Ou precedentes

Entrada

Presente

Que pretende

Ser fala

E expressão

De amor.

Você é minha pele

Arrepiada

Que sente

E do nada

Se agrada ao calor

E ao frio

Que a noite

Restou.

Sou tuas mãos

Acompanhadas

Das mãos que tenho

Que você agora é.

O caminhar perfeito

Que tem no destino

Um lugar qualquer.

O que digo

Que somos

Muito nosso

Na distância

Na aproximação.

Medo de morrer

Claro 

Você que sou eu

E eu claro que tenho

Porém vivereis

Se tu viveres

E viverás

Nos versos

Que são infinito

Que nossos

Feitos assim

Estes versos são.

Eu em você

Você em mim.

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui