Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
41 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59055 )

Cartas ( 21235)

Contos (13082)

Cordel (10287)

Crônicas (22190)

Discursos (3163)

Ensaios - (9410)

Erótico (13483)

Frases (46409)

Humor (19254)

Infantil (4425)

Infanto Juvenil (3679)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1336)

Poesias (138160)

Redação (3049)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5502)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->O CASO DE UM BOÊMIO -- 26/03/2021 - 17:44 (Benedito Generoso da Costa) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
.

  O CASO DE UM BOÊMIO

 

  Boêmio sempre escreve um poema

  De preferência um soneto triste

  Do amor de seu passado que inexiste

  E hoje o impede de sua abstêmia.

 

  Boêmio que sou, conto-lhes  um caso,

  Sim, do passado que não esqueço,

  Amar, doar o amor é sem preço,

  É uma linda flor florida num Vaso.

 

  Eu amei uma mulher que foi única

  Seu rosto angelical era de um anjo,

  Que tinha em sua cabeça uma túnica.

 

  Nossa relação de amor mediúnica,

  Providencial foi por Deus um arranjo,

  Para nossa infelicidade impúnica.

 

  BENEDITO GENEROSO DA COSTA

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 101Exibido 35 vezesFale com o autor