Usina de Letras
Usina de Letras
42 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62137 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10447)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10331)

Erótico (13566)

Frases (50547)

Humor (20019)

Infantil (5415)

Infanto Juvenil (4748)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140778)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6172)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cronicas-->Intentona Comunista: Ordem do Dia -- 27/11/2007 - 15:30 (Félix Maier) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
MINISTÉRIO DA DEFESA
GABINETE DO MINISTRO

ORDEM DO DIA

INTENTONA COMUNISTA

Há 72 anos, eclodia, no mês de novembro, nas cidades de Natal/RN, de Recife/PE, e do Rio de Janeiro, aquele que seria o mais covarde, insidioso e sangrento episódio de nossa história, a Intentona Comunista de 1935.

Lembrando alguns que já se pronunciaram sobre o assunto, cito que nos vários dicionários não vamos encontrar unanimidade nos sinónimos a respeito da palavra intentona, mas há nos significados: plano insensato, intento louco, conluio, rebelião, motim, conspiração, sedição, revolta, conjuração, insurreição ou intento insano.

Embora, historicamente, Intentona Comunista seja o nome oficial da insurreição militar que ocorreu no Brasil nas cidades anteriormente citadas, poderíamos também chamá-la de Traiçoeira Sandice Marxista-Leninista, pela forma insana e vil como os conspiradores, em prol de uma outra Nação, traíram seus companheiros de farda e a própria Pátria, assassinando-os de maneira covarde e pusilànime, quando muitos deles dormiam.

Os assassinos vermelhos, apadrinhados por setores da propaganda partidária esquerdista, como sempre, tentam reescrever a história, informando aos mais novos que tais assassinatos nunca ocorreram, Para desmenti-los, basta ler a edição do Jornal Correio da Manhã, de 30 de novembro de 1935, sábado, que em sua página 4, num editorial intitulado "O Castigo", afirma: "já estão reconstruídas algumas scenas da tragédia que culminou na verdadeira batalha da Praia Vermelha.....Contam-se entre os episódios tenebrosos daquelle dia impiedosas liquidações summarias, nas quais intervieram indivíduos despidos de todo o sentimento, até de simples humanidade....Um official friamente assassinado por mão de seu companheiro que trazia a arma envolvida num jornal: outro morto quando dormia e teria sido fácil prende-lo e desarmá-lo".

Com certeza o editorial do Correio da Manhã se referiu às mesmas mortes presenciadas pelo então tenente José Campos de Aragão, que em seu livro sobre a Intentona, assim se expressou: "O capitão Armando de Souza Melo e o tenente Danilo Paladini, que repousavam no momento da insurreição, foram mortos pelos revoltosos ainda aturdidos quando se levantavam".

Finalmente, é importante deixar claro que os comunistas atuais continuam enobrecendo a Intentona, planejada e determinada pelo governo comunista da Rússia e executada pela Aliança Nacional Libertadora sob a liderança de Luís Carlos Prestes. Continuam mentindo, vendendo um paraíso para onde já enviaram as almas de mais de cem milhões de pessoas.

Lembro à Marinha, ao Exército e à Aeronáutica, que o fim do império soviético não marcou o término da expansão dos utópicos ideais marxista-leninistas, e sim, da luta anticomunista, desenvolvida àquela época pelas verdadeiras Nações Democráticas, hoje mais do que nunca fragilizadas diante do solerte inimigo, verdadeiro lobo travestido de cordeiro.

Companheiros das Forças Armadas!

Lembrai-vos de 1935. Exorto-os a continuar na perseguição dos ideais democráticos que sempre nortearam nossas Instituições. Desta forma, não permitiremos que a nossa gente seja influenciada por alienígenas ideologias que prometem, em pleno século XXI, um vermelho nirvana, banhado de sangue.

Brasília, 27 de novembro de 2007.


Nelson Jobin Laden
Ministro da Defesa


Obs.: Até que enfim o ministro de nossa indefesa Pátria deu uma bola dentro. Outro dia, Jobim defendeu o livro espúrio lançado com estardalhaço por Lula, de louvação aos terroristas - e mandou que os militares calassem a boca, o imbecil. Inicialmente, até pensei que esta Ordem do Dia era um desses trotes frequentemente vistos na Web, os tais "mitos da internet"... Continuo na dúvida... alguém me ajuda aí? (F. Maier)

Obs. 2 (28/11/2007): E não é que era um trote mesmo? Passou-me desapercebido o "Jobin Laden"... por isso fiquei na dúvida. Veja o que houve lendo os textos abaixo. No entanto, não posso deixar de elogiar o teor da "Ordem do Dia". Parabéns ao seu autor! (F.M.)

Repasso a "justificativa" sobre a Ordem do Dia supostamente escrita pelo general genérico Jobin Laden.
Isto foi uma obra de Mestre! Vejam porque na explicação mais abaixo nos destaques que fiz. Além do mais, deixou o Jim das Selvas genérico numa tremenda saia justa porque, se ele negar que escreveu isso, vai deixar claro suas posições ideológicas (que nós sabemos qual é); e se confirmar que é de sua autoria, vai ficar mal perante os "cumpanhêros".
Não foi obra de um gênio? :-))
Abs, MG
Obs.: MG significa "Miss Grace", ou seja, Graça Salgueiro, do Notalatina (F.M.).

Prezados amigos

A intenção da ORDEM DO DIA pode ser totalmente compreendida por intermédio das palavras com que o Gen Paulo Chagas a explicou, para sua lista de correspondentes:

A OD do MD, divulgada ontem, como furo de reportagem, era apenas uma simulação do que seria o desejado por todos os brasileiros comprometidos com a democracia. Pena que se tratava apenas de um trabalho mental, gerado pela ansiedade de alguém cansado de ler e ouvir mentiras!
Que pena!!!!
Sentido abraço a todos!
PC

Posso afirmar que o "trote" no D. Quixote de la Defensa foi muito bem dado, tendo gerado preocupações nas hordas do inimigo interno.

A difusão, em nível nacional, alcançou o objetivo previsto. Pelo teor bombástico das "palavras" do jobim, a ORDEM DO DIA repercutiu favoravelmente junto aos brasileiros democratas, tendo causado pànico, traduzido em e-mails, telefonemas e consultas, nas fileiras vermelhas.

Aguardemos se a imprensa, de gozação, vai falar sobre o assunto.

Temos que usar contra a ralé comunista os mesmos mecanismos de Guerra Psicológica com que sempre nos atacaram.

Desculpem-me o repasse sem alerta, mas estamos em guerra contra esta canalhada.

SUSTENTAR O FOGO QUE A VITÓRIA É NOSSA.
BRASIL ACIMA DE TUDO!
SENTA A PUA!

KSM


Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui