Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
47 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59138 )

Cartas ( 21236)

Contos (13105)

Cordel (10292)

Crônicas (22196)

Discursos (3164)

Ensaios - (9439)

Erótico (13481)

Frases (46521)

Humor (19282)

Infantil (4461)

Infanto Juvenil (3729)

Letras de Música (5479)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138242)

Redação (3054)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5526)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Contos-->26.05.2020 - Reencarnação -- 26/05/2020 - 07:08 (TARCISO COELHO) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
.

Diário da Pandemia

 

Reencarnação

 

 

 

A Deus peço a bondade

De sempre me proteger

Me dando saúde e força

Para bem saber viver

E quando chegar a hora

No dia de ir embora

Eu aceite que vou morrer

 

 

E se eu vier a merecer

À terra um dia voltar

A Sua bondade peço

Pra vir ao mesmo lugar

Com meu espírito no corpo

Para que espirito de porco

Não venha ter que abrigar.

 

 

 

Aceitação total da volta após a morte, ao ser que hoje é e vive com dúvidas, certezas, bondades, imperfeições, etc. Seria um excelente retorno. Tarciso.

 

 

 

Reencarnação é uma ideia central de diversos sistemas filosóficos e religiosos, segundo a qual uma porção do Ser é capaz de subsistir à morte do corpo.

Chamada consciênciaespírito ou alma, essa porção seria capaz de ligar-se sucessivamente a diversos corpos para a consecução de um fim específico, como o auto-aperfeiçoamento ou a anulação do carma. A reencarnação pode ser definida como a ação de encarnar-se sucessivas vezes, ou seja, derivada do conceito aceito por doutrinas religiosas e filosóficas de que, na morte física, a alma não entra num estágio final, mas volta ao ciclo de renascimentos. No Ocidente, Heródoto menciona esta doutrina como sendo de origem egípcia, sendo que nessa concepção a reencarnação se dava instantaneamente após a morte, passando a alma para uma criatura que estava nascendo (que poderia ser da terra, da água ou do ar), percorrendo todas as criaturas em um ciclo de três mil anos.

A reencarnação encontra defesa na filosofia desde as tradições indianas, no Oriente, e em Pitágoras no Ocidente. Atualmente, este conceito é aceito por filosofias e religiões do mundo todo, em especial na Ásia. É chamada também de transmigração da alma e metempsicose (esta última denominação é mais encontrada em filosofias orientais em que admite-se que alma pode regressar em corpos de animais).

Objeto de estudo da parapsicologia (considerada por alguns como pseudociência, enquanto por outros como um campo de pesquisa psicológica cientificamente válido), o consenso científico atual não suporta as alegações deste e de outros supostos fenômenos paranormais.

 

 

Veja mais: https://pt.wikipedia.org/wiki/Reencarna%C3%A7%C3%A3o

 

 

 

Últimas Notícias: https://www.uol.com.br/

 

 

 

Diário da Pandemia

 

 

 

O Diário da Pandemia

Que inventei de escrever

Jamais teve a intenção

Que não só o meu querer

De o dia a dia registrar

Pra no futuro lembrar

O que estamos a viver

 

 

Mas é preciso dizer

Aqui não vou divulgar

Notícias de tristeza

Já que quero me alegrar

E se esse meu escrever

Nem pouco alegrar você

Mal também não lhe fará.

 

 

Caros Amigos,

 

 

A partir de 22.03.2020, passei a publicar versos meus em outras situações, retornando ao assunto em pauta apenas eventualmente.

 

Fique á vontade para lê-los ou relê-los no seguinte endereço:

 

www.usinadeletras.com.br

Autores

Letra T

TARCISO COELHO

Contos

 

Obs.: Fico grato pelas visitas, inclusive a outros trabalhos lá publicados, bem como aos comentários que tiverem a bondade de escrever.

 

 

 

Abraços a todos.

 

 

Tarciso Coelho, Crato (CE), 26.05.2020.

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 6Exibido 71 vezesFale com o autor