Usina de Letras
Usina de Letras
239 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62152 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10448)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10339)

Erótico (13567)

Frases (50555)

Humor (20023)

Infantil (5418)

Infanto Juvenil (4750)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140788)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6177)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cronicas-->Os milagres do WD 40 -- 23/09/2008 - 21:38 (Félix Maier) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
WD 40

Eu tive um vizinho que comprou uma pick up nova. Num Domingo de manhã vi que alguém tinha pixado as laterais da sua pick-up com tinta vermelha (por algum motivo desconhecido)...

Eu bati, o acordei e dei a má notícia. Ele ficou muito irritado e tentava imaginar o que fazer - provavelmente nada até segunda-feira, visto que estava tudo fechado. Um outro vizinho apareceu e disse para pegar o WD 40 e limpar aquilo. O produto removeu a tinta de maneira incrível, sem danificar a pintura do carro. Fiquei impressionado! WD 40, quem diria!!!

Repelente de água número 40.

O produto se originou da pesquisa por um protetor contra ferrugem e desengraxante para proteger peças de mísseis. O WD 40 foi criado em 1953 por três técnicos da San Diego Rocket Chemical Company. O nome vem do projeto, que tinha por objetivo desenvolver um composto para repelir água (water displacement). Tiveram sucesso com a quadragésima fórmula, portanto WD 40. A Corvair Company adquiriu o composto a granel para proteger os componentes dos mísseis Atlas. Ken East (um dos fundadores) disse que não há nada no WD 40 que seja prejudicial às pessoas.

Quando você ler a parte sobre porta de box de banheiro, experimente. É a primeira coisa que funcionou para remover manchas da porta do box. Se o seu for plástico, funciona do mesmo jeito de com vidro. É um milagre!

Tente no fogão... voilá! Vai brilhar como nunca. Você vai ficar maravilhado( a).


Seguem alguns usos:

1) Protege prata de ficar preta.

2) Remove pixe e asfalto da pintura do carro.

3) Limpa e lubrifica cordas de guitarra.

4) Dá um brilho ao piso como se tivesse sido recém encerado, sem deixá-lo escorregadio.

5) Repele moscas de vacas.

6) Limpa e restaura quadros-negros.

7) Remove manchas de batom.

8) Desengripa zíperes.

9) Desembaraça correntes e bijuterias.

10) Remove manchas de pias de inox.

11) Remove sujeira e gordura de grelhas e churrasqueiras.

12) Evita que vasos de ceràmica se oxidem.

13) Remove manchas de tomate de roupas.

14) Limpa manchas de portas de box de banheiro.

15) Disfarça riscos e arranhões de pisos de ceràmica e mármore.

16) Mantém tesouras em bom funcionamento.

17) Lubrifica dobradiças barulhentas em carros e em casa.

18) Remove marcas de sola de sapato do piso da cozinha. Não estraga o piso e a remoção é fácil. Lembre-se de abrir as janelas caso haja muitas marcas a serem retiradas.

19) Restos de insetos estragam a pintura do carro se não forem removidos logo. Use WD 40!

20) Serve para lubrificar escorregadores no play ground para se escorregar mais rápido.

21) Lubrifica a transmissão e controles em cortadores de grama.

22) Elimina rangidos e barulhos de balanços.

23) Lubrifica os trilhos da janela para ficarem mais fáceis de abrir.

24) Aplicado na haste do guarda chuva facilita abrir e fechar.

25) Restaura e limpa painéis e superfícies de couro em carros, bem como para-choques plásticos.

26) Restaura e limpa bagageiros de veículos.

27) Lubrifica e elimina ruídos em ventiladores elétricos.

28) Lubrifica rodas e catracas em triciclos e bicicletas.

29) Lubrifica correias em lavadoras e secadores e evita ruídos.

30) Protege serras e serrotes contra ferrugem.

31) Remove gordura de fornos.

32) Evita que espelhos de banheiros fiquem embaçados.

33) Lubrifica próteses.

34) Repelente de pombos (eles odeiam o cheiro).

35) Remove restos de duct tape.

36) Algumas pessoas aplicam nas mãos, braços e joelhos para aliviar dores de artrite.

37) Uso favorito na Flórida: removedor de insetos da frente do carro..

38) Uso favorito em Nova York: WD 40 protege a Estátua da Liberdade do tempo.

39) WD 40 atrai peixes. Aplique UM POUCO nas iscas vivas e logo você vai pegar aquele bem Grande. Muito mais barato que os produtos feitos para esse fim.

40) Use para picadas de formiga. Elimina o ardido imediatamente e faz parar de coçar.

41) WD 40 é ótimo para remover giz de cera de paredes. Aplique no local e limpe com um pano.

42) Se alguém lavar um batom junto com as roupas, aplique WD 40 nas manchas e lave novamente..

43) Se o carro não pegar, pois o distribuidor está molhado, aplique WD 40 na Tampa do distribuidor e o carro deve funcionar.


PS: O ingrediente básico é óleo de peixe.

PPS: Mantenha uma lata de WD 40 no armário da cozinha. É bom para queimaduras. Elimina a sensação de queimado e não deixa cicatriz.


Atenciosamente,

João Dragojevic Bosko

Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo - IPT

Centro de Engenharia Naval e Oceànica - CNAVAL

Laboratório de Instrumentação


O homem existe. Veja:

Dados pessoais
Nome João Dragojevic Bosko
Nome em citações bibliográficas BOSKO, J. D.
Sexo Masculino

Endereço profissional Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo.
Rua Professor Almeida Prado, 532-Cidade Universitaria- Laboratório de Instrumentação Eletrónica - Butantã - 05508-901 - Sao Paulo, SP - Brasil - Caixa Postal: 7141
Telefone: (011) 37674459 Fax: (011) 37674071
URL da Homepage: www.ipt.br

Formação acadêmica/Titulação 1972 - 1976 Graduação em Engenharia Elétrica. Escola de Engenharia de São Carlos - EESC/USP, Brasil.

Atuação profissional

Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo, IPT, Brasil.
Vínculo institucional
1978 - Atual Vínculo: , Enquadramento Funcional: Periodo Integral, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

05/1978 - Atual Pesquisa e desenvolvimento .
Linhas de pesquisa
Desenvolvimento de circuitos eletrónicos - Instrumentação eletrónica - Ensaios em escala real

Linhas de Pesquisa 1. Desenvolvimento de circuitos eletrónicos - Instrumentação eletrónica - Ensaios em escala real

Áreas de atuação 1. Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Elétrica / Subárea: Medidas Elétricas, Magnéticas e Eletrónicas; Instrumentação / Especialidade: Instrumentação Eletrónica.

2. Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Elétrica / Subárea: Medidas Elétricas, Magnéticas e Eletrónicas; Instrumentação.

3. Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Elétrica / Subárea: Medidas Elétricas, Magnéticas e Eletrónicas; Instrumentação / Especialidade: Sistemas Eletrónicos de Medida e de Controle.

Idiomas Inglês Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.

Produção em C,T & A

Produção bibliográfica

Trabalhos completos publicados em anais de congressos

1. BOSKO, J. D. . Torquímetro eletrónico para medida de torque em eixos mecànicos rotativos. In: XIV Congresso Brasileiro de Engenharia Mecànica - COBEM, 1997, Bauru - SP. Anais do XIV Congresso Brasileiro de Engenharia Mecànica, 1997. v. 01.

Produção técnica

Produtos tecnológicos

1. BOSKO, J. D. . Condicionador de sinal potenciométrico. 2000.
2. BOSKO, J. D. . Condicionador de sinal de medidas de rotação. 2000.
3. BOSKO, J. D. . Condicionador de sinal para extensometria. 1999.
4. BOSKO, J. D. . Condicionador de sinal para medidas de ondas aquática. 1999.
5. BOSKO, J. D. . Condicionador de sinal e torquímetro eletrónico. 1999.

Trabalhos técnicos

1. BOSKO, J. D. . Instrumentação na Estrutura de um Carro de Metró. 2005.
2. BOSKO, J. D. . Medição de deformações em um reator. 2005.
3. BOSKO, J. D. . Medições na estrutura de reentrada de árvore de natal molhada horizontal pigável (GLL_DL). 2004.
4. BOSKO, J. D. ; 02 . Medição em estrutura secadora de grãos. 2004.
5. BOSKO, J. D. . Instrumentação em ensaios no tanque de provas do IPT. 2004.
6. BOSKO, J. D. ; ZANUTTO, J. C. . Instrumentação em Elos de corrente e Anel. 2004.
7. BOSKO, J. D. . Instrumentação em modelo de plataforma para determinação de seus movimentos. 2003.
8. BOSKO, J. D. ; ZANUTTO, J. C. . Instrumentação em pá de rotor de usina hidrelétrica. 2003.
9. BOSKO, J. D. . Instrumentação em ensaios no tanque de provas do IPT. 2003.
10. BOSKO, J. D. ; ZANUTTO, J. C. . Medição dinàmica em pás de rotores de unidade geradora de energia elétrica UHE.. 2002.
11. BOSKO, J. D. . Medição de deformação em válvula borboleta de usina hidrelétrica. 2002.
12. BOSKO, J. D. . Medição de aceleração e de movimento em sistema de proteção de pilares de pontes do Rio Tietê.. 2002.
13. BOSKO, J. D. . Medição de deformação em estrutura de transformador. 2002.
14. BOSKO, J. D. . Instrumentação em ensaios no tanque de provas do IPT. 2002.
15. BOSKO, J. D. ; 02 . Medidas de deformação e torque mecànico em eixo de laminadora a frio. 2002.
16. BOSKO, J. D. . Medição de Acelerações em estrutura de Jaqueta de plataformas de petróleo. 2001.
17. BOSKO, J. D. . Ensaios de Movimento e de Estabilidade de bóias cegas de sinalização náutica e verificação de imagens de refletores em tela de radar .. 2001.
18. BOSKO, J. D. . Medição de torque em eixo girante de navios.. 2001.
19. BOSKO, J. D. . Instrumentação em ensaios no tanque de provas do IPT. 2001.
20. BOSKO, J. D. ; ZANUTTO, J. C. . Medição de movimentos em operação de cravação de estacas de sistemas offshore. 2001.
21. BOSKO, J. D. ; 1 ; 1 . Fiscalização e ensaios de recebimento de equipamentos em unidades de telefonia da TELESP. 2001.
22. BOSKO, J. D. . Medição de deformação em pás do pré-distribuidor da unidade geradora de energia. 2000.
23. BOSKO, J. D. . Instrumentação em ensaios no tanque de provas do IPT. 2000.
24. BOSKO, J. D. ; ZANUTTO, J. C. . Instrumentação de pás diretrizes do pré-distribuidor de turbinas hidrelétricas. 2000.
25. BOSKO, J. D. ; 02 . Instrumentação e medição de tensões residuais em pás de turbinas hidrelétricas. 2000.
26. BOSKO, J. D. ; 2 . Medição de deformação e torque mecànico em eixo de laminadores a quente. 1999.
27. BOSKO, J. D. ; 1 . Medição de torque mecànico e concentração de tensão em eixo de laminador a quente de tiras grossas. 1999.

Demais tipos de produção técnica

1. BOSKO, J. D. ; RUBIO, M. R. G. . Curso de Intrumentação Eletrónica e Extensometria. 2004. .
2. BOSKO, J. D. . Apostila de extensometria. 2004. (Editoração/Outra).


Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/09/2008 às 15:13:29


Obs.: Texto recebido de Paulo Sérgio Loredo (F. Maier).


Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui