Usina de Letras
Usina de Letras
45 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62137 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10447)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10331)

Erótico (13566)

Frases (50547)

Humor (20019)

Infantil (5415)

Infanto Juvenil (4748)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140778)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6172)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cronicas-->O Brasilistão do governo Lula defende o Hamastão -- 30/12/2008 - 12:41 (Félix Maier) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
O Brasilistão do governo Lula defende o Hamastão

Félix Maier

Na foto de cima (Cfr. em http://resistenciamilitar.blogspot.com/2008/12/o-brasilisto-do-governo-lula-defende-o.html) vê-se o lançamento de um foguete contra Israel, feito a partir de área densamente povoada na Faixa de Gaza. Na outra foto, vê-se a retaliação das Forças Armadas de Israel.

Quem é o principal culpado por esta escalada de violência: Israel, que revidou a agressão, ou o Hamás que há semanas vem atacando o Sul de Israel com centenas de foguetes, ocasionando vítimas fatais?

A imprensa, tanto nacional, quanto internacional, critica o "excesso de força" empregado por Israel contra a Faixa de Gaza, refém há mais de um ano do grupo terrorista Hamás. Ora, todo país tem o direito de se defender, principalmente contra ataques sistemáticos dos seus inimigos, como ocorre com Israel. O que querem esses novos peaceniks, que Israel oferecesse uma courbelle de flores aos terroristas, como fez o ridículo movimento Viva Rio, que subiu a Rocinha distribuindo rosas, como se os traficantes fossem entregar os fuzis?

Infelizmente, o Brasilistão do governo Lula defende o Hamastão. Sempre foi assim. Lula tem uma predileção especial por governantes ditatoriais, como Fidel Castro e Hugo Chávez. Em sua excursão de férias pelo Oriente Médio, Lula - além das Piràmides do Egito - fez uma visita de lambe-botas aos ditadores da Líbia e da Síria, mas esqueceu-se de passar por Israel, um país democrático. É uma prova definitiva de que Lula prefere a amizade de bandoleiros e terroristas, não dos democratas.

Leia mais sobre a operação israelense em http://www.terrorism-info.org.il/malam_multimedia/English/eng_n/html/hamas_e020.htm

P.S.: Para quem não sabe, eu chamo o Brasil atual de "Brasilistão", uma mistura de Brasil com Afeganistão, devido à política esquerdista de criar guetos diversos em nosso território, como os bantustões de triste memória da África do Sul da época do Apartheid. Os bantustões indígenas, quilombolas e do MST estão sendo feitos dentro dos moldes das kolkhoses (fazendas coletivas) da extinta União Soviética, em que a União é detentora das terras, cabendo à senzala apenas seu usufruto.

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui