Usina de Letras
Usina de Letras
79 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59519 )

Cartas ( 21247)

Contos (13250)

Cordel (10311)

Crônicas (22246)

Discursos (3167)

Ensaios - (9502)

Erótico (13497)

Frases (46991)

Humor (19364)

Infantil (4542)

Infanto Juvenil (3850)

Letras de Música (5495)

Peça de Teatro (1339)

Poesias (138581)

Redação (3072)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2430)

Textos Jurídicos (1946)

Textos Religiosos/Sermões (5612)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Contos-->14.09.2021 - Bom senso e meio termo -- 14/09/2021 - 08:24 (TARCISO COELHO) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos

https://www.magazinevoce.com.br/magazinegarimpotarciso/

 

 

Diário do Dia a Dia

 

 

Bom senso e meio termo

 

 

O mundo no qual cada um vive depende da maneira de concebê-lo, que varia, por conseguinte, segundo a diversidade das mentes.

 

Polidez é inteligência; portanto, impolidez é parvoíce. O perfeito homem do mundo seria aquele que jamais hesitasse por indecisão e nunca agisse por precipitação.

 

Criar inimigos por impolidez, de maneira desnecessária e caprichosa, é tão demente quanto pegar fogo na própria casa. O tipo mais barato de orgulho é o orgulho nacional[LT1] .

 

Usar de polidez é uma tarefa difícil, pois, exige que testemunhemos grande consideração por todas as pessoas, enquanto a maior parte delas não merece nenhuma. 

 

Cada pessoa vê em outra apenas o tanto que ela mesma é, ou seja, só pode concebê-la e compreendê-la conforme a medida da sua própria inteligência.

 

Só o tempo omnipotente exerce aqui o seu direito. Os caprichos nascem da imposição da vontade sobre o conhecimento. E a simplicidade representa o último degrau da sabedoria.

 

Para vivermos entre os homens, temos de deixar cada um existir como é, aceitando-o na sua individualidade ofertada pela natureza, não importando qual seja.

 

(Arthur Schopenhauer)

 

-x-x-x-x-x-x-                                                                                                                                            Quando duas pessoas se encontram há, na verdade, seis pessoas presentes: cada pessoa como se vê a si mesma, cada pessoa como a outra a vê e cada pessoa como realmente é. William James                                                                                                                                                                              

-x-x-x-x-x-x-

 

                                                                                                                  

 

https://www.magazinevoce.com.br/magazinegarimpotarciso/

 

Compre aqui que o Magazine Luíza vai deixar em casa.

 

Para lê-los ou relê-los na Usina de Letras: https://bit.ly/tarcisocoelho

 

Inscreva-se

 

Tarciso Coelho, Crato (CE), 14.09.2021

 

https://www.magazinevoce.com.br/magazinegarimpotarciso/

 


 [LT1]m

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 6Exibido 17 vezesFale com o autor