Usina de Letras
Usina de Letras
41 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62137 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10447)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10331)

Erótico (13566)

Frases (50547)

Humor (20019)

Infantil (5415)

Infanto Juvenil (4748)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140778)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6172)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cronicas-->Redenção é o que esperamos! -- 26/10/2010 - 12:48 (Félix Maier) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
REDENÇÃO É O QUE ESPERAMOS!

Aileda de Mattos Oliveira (*)

O tempo que nos separa das urnas vai, gradativamente, se esgotando, aumentando em todos nós a expectativa da decisão definitiva. É irreversível. Se esta escolha não preceder de uma amadurecida reflexão, recairão sobre todo o País as consequências da negligência, da insensatez dos brasileiros não levarem a sério os problemas políticos causados pelos políticos-problemas.

Serão mais quatro ou oito anos de abominações de toda sorte, já impostas pelo canhestro presidente ao Estado e cujo vasto exemplário de prevaricações vem dar vida ao seu antes inexpressivo chavão "nunca antes na história deste país" (que ora completamos) "houve um corruptor e um corrupto como Lula". Sai consagrado pelas transgressões o ex-peseudometalúrgico.

Sairão das mãos de uma estúpida candidata, monitorada por um inescrupuloso "senhor das sombras", novas leis de retrocesso que, fatalmente, serão aprovadas por um Legislativo que já se forma inexpressivo, e desmoralizado pelas ações de seus anteriores representantes.

Todas as áreas foram ofendidas pelo ignorante presidente que, como nada sabe, destruiu o que foi erguido e consolidado pelos que sabiam. Invejoso e egocêntrico, não póde suportar ver a Nação seguir o seu caminho em busca de um contínuo desenvolvimento, alicerçado no conhecimento. Para isto, era necessário arrasar a estrutura educacional, em todos os níveis, como garantia de obstar as necessidades do brasileiro e deixá-lo refém de suas bolsas, sujas remessas de dinheiro por intermédio de instituições oficiais.

A área da Educação foi arrasada pelo comando criminoso que ainda pretende eleger um dos maiores exemplos de ignorància e de sordidez, como a criminosa Dilma, servidora do mal. No Ensino Fundamental, foi inserida nos livros didáticos, a pornografia oficial a pretexto de ensino sexual. Lembrem-se de que esta fase de aprendizado vai do primeiro ao nono ano do antigo primário. Crianças na faixa que, antes deste governo gramscista, era denominada "infància", hoje convivem com o vocabulário da safadeza.

Livros de Geografia abandonaram os acidentes geográficos para indicar os pontos de droga nos morros. Os de História, já não falam nos heróis nacionais; as batalhas nas quais participaram as tropas brasileiras mudaram de nome e são elas as responsáveis pela guerra.

A inversão ou ausência de norma é a norma deste governo ordinário e nefasto. Como o povo é indisciplinado, vê nele o reflexo de sua face, mostrando que os iguais se procuram e convivem. Por esta razão, o voto deveria ser apenas reservado aos contribuintes. Os outros vivem deles, dos seus impostos, sem nada fazer ou sem se preocupar com o que faz. Esta também é uma lei de Gramsci: "os que trabalham têm obrigação de sustentar aqueles que desejam permanecer no ócio". É a lei do Lula e o de seu Lulinha. É a lei deste governo.

Dia 31 de outubro próximo, poderá ser o Dia da Redenção do Brasil se desejarmos que a liberdade permaneça, que a bandeira auriverde continue o símbolo da nacionalidade brasileira e se não consentirmos que o trono seja ocupado pela produção artesanal do Fidelito de Garanhuns do Agreste, grotesco exemplar da fauna humana do partido vermelho.


(*) Prof.ª Aileda de Mattos Oliveira - Membro da Academia Brasileira de Defesa

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui