Usina de Letras
Usina de Letras
45 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59656 )

Cartas ( 21253)

Contos (13324)

Cordel (10319)

Crônicas (22226)

Discursos (3169)

Ensaios - (9535)

Erótico (13486)

Frases (47208)

Humor (19423)

Infantil (4618)

Infanto Juvenil (3936)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1340)

Poesias (138764)

Redação (3078)

Roteiro de Filme ou Novela (1061)

Teses / Monologos (2432)

Textos Jurídicos (1946)

Textos Religiosos/Sermões (5656)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Um pouco de mim -- 06/04/2000 - 22:33 (André Pessoa) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
A minha vida doce de leite

Não é mais nada além de uma vida

Nesta Brasília mal-humorada

Surgem palavras envenenadas

E o que se espera de um cidadão

Que não tem o que dizer?

Começo a escrever:



Não sou nada

Sou um burro

Não aguento mais sofrer

Perambulo pelos cantos

Insisto em viver

Vou andando, continuo

A ver o sol escurecer

Finalmente ao meu redor

Vejo tudo apodrecer

Então tudo vai caindo

Começo a enfraquecer

Parece até,mas não sei como,

Fiz tudo por merecer



Mereço o ruim

Mereço ser fraco

Mereço o ódio

Mereço viver?
Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui