Usina de Letras
Usina de Letras
11 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62153 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10448)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10339)

Erótico (13567)

Frases (50555)

Humor (20023)

Infantil (5420)

Infanto Juvenil (4750)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140789)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6177)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cronicas-->Viva ao que é menos pior -- 17/06/2016 - 11:47 (Félix Maier) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos

O Antagonista

16 de Junho de 2016

Viva ao que é menos pior

Por Rodolfo Amstalden

Já dá para perceber.

A economia brasileira está a reverter tendências de queda.

Não é da natureza humana celebrar menores quedas.

Queremos mesmo é comemorar as altas; de preferência, cada vez maiores.

Mas reversão de queda é o que temos por ora, e dou graças.

A linha é tênue entre o parar de piorar e o começar a melhorar.

No mundo financeiro, aqueles investidores que tentaram traçá-la perderam o bonde da história.

Não me dou, portanto, a traçar linhas tênues.

Com o que me animo, então?

Uma vez engatilhado o ciclo virtuoso, quase nada é capaz de detê-lo.

Nem mesmo o Brexit, nem mesmo o Banco Central americano.

Você leu no Antagonista: ontem, Abílio Diniz reuniu pesos-pesados da economia para um jantar com Eliseu Padilha.

Os convidados se mostraram entusiasmados com as medidas já anunciadas, em especial a que prevê um teto para os gastos do governo.

Eles acham que agora vai.

Não sou peso-pesado, mas acho assim também.

Agora vai menos pior, e logo vai melhor.

Estou ansioso para este segundo semestre.

Meu amigo, que senta à minha frente, brincou de falar de +3% de PIB em 2017.

Da última vez que ele acertou brincando, tivemos o fim do Brasil.

Que venha o recomeço.

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui