Usina de Letras
Usina de Letras
59 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59672 )

Cartas ( 21255)

Contos (13337)

Cordel (10321)

Crônicas (22226)

Discursos (3170)

Ensaios - (9538)

Erótico (13486)

Frases (47223)

Humor (19422)

Infantil (4629)

Infanto Juvenil (3942)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1340)

Poesias (138794)

Redação (3078)

Roteiro de Filme ou Novela (1061)

Teses / Monologos (2432)

Textos Jurídicos (1946)

Textos Religiosos/Sermões (5662)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cartas-->Uma questão de tempo -- 06/07/2020 - 09:07 (Antonio Jose Laurindo) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos

Eu acho que já tive muito tempo em minha vida;

Tempo para meus pais;

Tempo para meus avós, pena que conheci apenas dois;

Tempo para meus tios e tias;

Tempo para meus irmãos e irmãs;

Tempo para meus vizinhos e vizinhas;

Tempo para meus sobrinhos, enfim tempo para todos meus familiares

Tempo para meus amigos que conquistei e mantenho;

Tempo para meus sócios e colaboradores de trabalho;

Tempo para a miséria e também para a abundancia;

Tempo para o lazer e também para angustias;

Muito tempo para escutar, estudar e aprender;

Tempo demais para o meu trabalho, que é o que mais gosto de fazer;

Tempo para minha companheira, mãe de meus filhos;

Tempo para vocês meus filhos, acho que a maior parte do meu tempo a partir de suas existências foram dedicados a vocês, viveria tudo novamente, como no filme sempre tentando melhorar;

Espero ter muito tempo ainda para ajudar na educação de meus netos que aí estão e chegando;

E para você meu filho Melchior que já é um homem bem sucedido, maduro e que hoje ultrapassa mais um ano de sua viagem no tempo, meus parabéns, espero que utilize o seu tempo sempre com muita eficiência, e se puder e tiver a oportunidade de voltar e melhorar faça isso.

AJOTAELE

Comentarios
Perfil do AutorSeguidores: 18Exibido 229 vezesFale com o autor