Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
53 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59055 )

Cartas ( 21235)

Contos (13082)

Cordel (10287)

Crônicas (22190)

Discursos (3163)

Ensaios - (9410)

Erótico (13483)

Frases (46409)

Humor (19254)

Infantil (4425)

Infanto Juvenil (3680)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1336)

Poesias (138160)

Redação (3049)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5502)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Teses_Monologos-->Venda as vendas -- 12/03/2006 - 08:23 (Leonardo Koury Martins) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
. Não use vendas,
as venda.
Receita do Ministério da Fazenda.
Espero que você entenda,
que usando esta venda não verá o que terás de ver.
Tem alguém no planalto não querendo votar a emenda,
sim, a emenda constitucional da educação
e você não sabia? Culpe a venda!
Tem policial corrupto, medico sem papel para anotar receita
e criança sem merenda, será que somente eu quero que entendas?
O espaço é infinito e não acredite somente em lendas,
olha que tem alguém que te recomenda tirar as vendas para enxergar o que antes você não via.
Tenha estômago forte e nem adianta rezar “ave Maria”, porque tem criança disputando no lixo com ratos e cachorros a única refeição do dia, e tem gente na fila do hospital morrendo de pneumonia.
Entenda!
Até a bandeira de Minas te pede para que tire a venda, antes que tardia, enquanto alguns choram, outros têm alegria.
Não seja também desigual,
aceite os momentos tristes, mas também vá as festas a fantasia,
e se a roupa estiver rasgada, e se você tiver com pouco dinheiro,
uma linha e uma agulha no buraco (deixa p’ra lá),
mas vê se remenda, se não o dinheiro cai, daí não tem leite, arroz, feijão e sem dinheiro piora sua situação, assim serás mais um pedinte que não teve oportunidade (ou opção) .
Deixe de pensar somente com o coração e use também a razão, tire a venda e faça melhor, a venda.
O capitalismo recomenda.



Leonardo Koury Martins
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui