Usina de Letras
Usina de Letras
69 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60285 )

Cartas ( 21285)

Contos (13379)

Cordel (10352)

Cronicas (22252)

Discursos (3187)

Ensaios - (9687)

Erótico (13520)

Frases (48080)

Humor (19493)

Infantil (4787)

Infanto Juvenil (4142)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1344)

Poesias (139184)

Redação (3100)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2436)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5773)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Teses_Monologos-->Ele também não sabia disso... -- 18/10/2006 - 11:24 (Félix Maier) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
CHUMBO GROSSO DA EDIÇÃO DE N° 1979...

NÃO PERCAM!

REPASSANDO...

Se não assina, compre na banca e leia. É mesmo de estarrecer!!!

A Veja desta semana nas bancas, seria a derradeira chance para a corja do PT tentar fazer a "limpeza da cena do crime". O objetivo foi simplesmente colocar os acólitos de Lula contra a parede, para dar uma chance definitiva - inclusive para o próprio ex-presidente (Luis Inácio), que como Veja provará em sua próxima edição está envolvido até o fundo do gargalo.

Ao longo da semana, Veja entrou em contato com membros da campanha e do governo, abrindo a sua edição nº1978 para que os responsáveis se manifestassem a respeito da origem do dinheiro. Não houve acordo. Acharam que era blefe...

Após tomarem conhecimento do conteúdo da revista que está em banca, e temendo o conteúdo da edição nº1979, a corja entrou em pânico.

Veja foi procurada durante todo o fim de semana prolongado por toda a equipe de Marco Aurélio ( ou quem resta dela, pois já há ratos abandonando o navio) e principalmente por Márcio Tomas Bastos e Tasso Genro, além da Marta Suplicy, que procuram sem sucesso localizar um Civita ou qualquer outro editor da Abril que esteja disponível.

Agora, porém, a ordem expressa é que não atendam emissários do PT exceto se o partido manifestar-se clara e oficialmente sobre a origem da grana.

Ocorre que Veja já tem a edição fatal nº 1979, absolutamente pronta, com todo o percurso dos dólares dos Estados Unidos para cá.

O mais surpreendente é que as investigações dos repórteres esbarraram com a Polícia Federal, que tentou impedir seu trabalho em várias etapas do processo e mesmo assim chegaram às estarrecedoras conclusões.

Mas a surpresa não pára aí: junto com as investigações do dossiê Vendoin, surgiram vários outros documentos a respeito de toda a bandalheira que tomou conta do governo.

É edição para tornar desnecessárias as eleições no segundo turno.


Obs.: Texto recebido via e-mail (F.M.).




Comentarios
Perfil do AutorSeguidores: 490Exibido 2063 vezesFale com o autor