Usina de Letras
Usina de Letras
58 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60358 )

Cartas ( 21289)

Contos (13387)

Cordel (10358)

Cronicas (22277)

Discursos (3193)

Ensaios - (9714)

Erótico (13520)

Frases (48249)

Humor (19549)

Infantil (4827)

Infanto Juvenil (4176)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139354)

Redação (3117)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2438)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5812)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Criança -- 26/12/1999 - 10:30 (Antonio Clarete Paes) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Quando o negro dos olhos teus

Se misturam aos confusos olhos meus

Sinto na alma uma sensação tal

Qual, na criação, Deus sentiu igual



Então me perco no teu passo pequenino

Tudo é festa neste meu coração menino

E te persigo no teu ritmo jovem e leve

Criança, viva! Criança não serás em breve!
Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui