Usina de Letras
Usina de Letras
71 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60367 )

Cartas ( 21289)

Contos (13387)

Cordel (10358)

Cronicas (22277)

Discursos (3194)

Ensaios - (9716)

Erótico (13520)

Frases (48255)

Humor (19555)

Infantil (4830)

Infanto Juvenil (4180)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139367)

Redação (3119)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2438)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5812)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Heresia -- 02/05/2002 - 20:44 (Athos Ronaldo Miralha da Cunha) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Cometeu o sacristão

Um enorme sacrilégio

Orar com o sacripanta

No oratório do colégio



E foi tanta heresia

Na pequena sala santa

No altar da sacristia

Empinaram em demasia

A bebida sacrossanta



Um tremendo sacrifício

Foi convencer o vigário

Que não havia malefício

Beber naquele sacrário



De joelho no santuário

Rogando o perdão divino

Oraram no campanário

Tocando o sagrado sino



Veio o frade, veio a freira

Desesperado o vigário

- Cadê o sacristão e o sacripanta?

- Por onde que eles “escapulário”?

Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui