Usina de Letras
Usina de Letras
42 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60374 )

Cartas ( 21289)

Contos (13387)

Cordel (10358)

Cronicas (22278)

Discursos (3194)

Ensaios - (9719)

Erótico (13520)

Frases (48266)

Humor (19559)

Infantil (4832)

Infanto Juvenil (4183)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139383)

Redação (3120)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2438)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5813)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cronicas-->O SORRISO DO IDIOTA -- 07/03/2002 - 08:14 (Alexandre Grolla Pereira) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
O SORRISO DO IDIOTA


Quando ele era pequeno, seus pais diziam: "Quando crescer, meu filho vai ser uma pessoa muito importante." Ele olhava para os pais, com seus olhos inocentes e confiantes, e apenas sorria.

Quando ele era adolescente, seus amigos diziam: "Vamos nessa, cara, vamos sair e arrumar umas gatas." Ele olhava para os amigos, com seus olhos esperançosos, e apenas sorria.

Quando ele era jovem, arrumou uma namorada que dizia: "Eu sempre vou te amar." Ela olhava para a namorada, com seus olhos apaixonados, e apenas sorria.

Quando ele já era adulto, seu patrão dizia: "Rapaz, faça a coisa certa que você vai se dar bem na vida." Ele olhava para o patrão, com seu olhar conformado, e apenas sorria.



Morreu em um acidente de carro, aos vinte e oito anos, estava desempregado, tinha poucos amigos e estava sozinho, apenas seus familiares foram ao enterro. Apesar de tudo, em seu manto fúnebre, seu rosto sem vida exibia um estranho sorriso.
Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui