Usina de Letras
Usina de Letras
68 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60362 )

Cartas ( 21289)

Contos (13387)

Cordel (10358)

Cronicas (22277)

Discursos (3193)

Ensaios - (9714)

Erótico (13520)

Frases (48249)

Humor (19550)

Infantil (4828)

Infanto Juvenil (4178)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139358)

Redação (3118)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2438)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5812)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Ensaios-->EVOLUÇÃO -- 02/05/2000 - 11:52 (Antenor Ferreira Junior) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Ainda que eu tivesse mais uma vida pela frente, a vontade de viver essa vida é tamanha que, cada minuto passado é mais um débito na minha existência. E ele não volta. E o tempo não recua. Apenas vamos gravando as imagens e sons, para que não esqueçamos de todos os momentos vívidos sejam eles bons ou ruis, tristes ou alegres, cheios ou vazios. Quase sempre, não há divisórias entre o espaço e o tempo. Se recorda de toda uma existência, muitas vezes em segundos, como se tais lembranças nos alimentasse e preenchesse vazios em nossas almas.
Nascemos vencedores, sabemos disso, pois em nosso primeiro desafio, vencemos, naquela corrida louca com outros tantos milhões de espermatozóides. E só não conseguimos chegar, como também atravessar aquela barreira quase intransponível. E fecundar. E viver. E muitas vezes sobreviver... E viemos para esta vida sem sequer sermos questionados.
No muro de nossas almas, não estava “pichados” quem seríamos. Fomos aos poucos moldando nosso destino, lapidando nosso futuro, traçando caminhos em nossa existência.
Não há nada a fazer se não desenvolvermos os dons que nos são destinados. Para tal legado, é necessário que se trabalhe exaustivamente, para que estes sejam multiplicados.
Os céus nos esperam de portas abertas, mas se faz necessário que caminhemos até lá. O Pai nos quer ao seu lado para todo o sempre, mas é imprescindível que façamos muito e tudo, para merecermos este lugar.
Não enterremos nossos “talentos”. Pelo que nos espera, tudo vale a pena.
Somos hoje o que pensamos ser ontem e seremos amanhã o que pensamos hoje. E de coisa alguma adianta tentar ser, se nada pudermos dar ou fazer. Ao nos desligarmos de nossas ambições, de nossos propósitos, em função do nosso próximo, religaremos com o Pai Eterno todos o cordéis permanentes de nossa vida futura.
Assim evoluiremos, e passaremos para uma condição de tal conforto que basta pensarmos, e o que desejarmos já estará em nossas mãos. E só então poderemos nos sentir completamente felizes.

(Eu acredito... Eu só acredito).






Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui