Usina de Letras
Usina de Letras
77 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60363 )

Cartas ( 21289)

Contos (13387)

Cordel (10358)

Cronicas (22277)

Discursos (3193)

Ensaios - (9715)

Erótico (13520)

Frases (48250)

Humor (19552)

Infantil (4829)

Infanto Juvenil (4179)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1345)

Poesias (139360)

Redação (3118)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2438)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5812)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cartas-->UM DESABAFO CONFIDENCIAL -- 26/06/2000 - 21:14 (Antônio Muniz) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Alguém, você não é aquilo que não é;
Você não deve fazer aquilo que não deve;
És um subordinado, acoitado e sujeito as leis de seus familiares;
Coitado
Coitado
Coitado
Sonhou com um amor impossível e proibido
Vencido e derrotado, preferiu estudar

Sempre, sempre, sempre, falado
Falado contra tudo e todos
Porque tocou ruim
Porque gastou muito
Porque sai com quem não presta
Porque não sabe viver
Não sabendo viver nem ser feliz
Na solidão que tem no coração

Favelas e palácios vivi
nem por isso morri
Não fui capaz de mudar
E terei de mudar para ser capaz

Estou triste com a vida
A vida não vale nada
nem para amar
Nem para ser amado

Promessas sempre foram feitas
mas nunca são "Reais"
Onde quase tudo gira em torno disso

Não posso nunca querer
Não posso nunca mentir
Mas posso fazer e ser falado
Falado por aqueles que estão ao meu redor
Desconsiderado por todos
Nem sempre aquilo que quis

jamais fui poeta
Nem nunca serei nada
Expresso-me de coração
Para nunca ser deixado na mão

Nunca mais serei o mesmo
O mundo, as pessoas, o processo em que vivemos me mudou
Eu não era assim
Não era para ser assim

Tudo isso não vale a pena
Nem os versos que escrevi vale a pena
Mas nada é em vão
Pois um futuro breve chegará
E tudo isso passará.

Nas honrrarias das palavras
nunca serei Rei.
Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui