Usina de Letras
Usina de Letras
50 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59672 )

Cartas ( 21255)

Contos (13337)

Cordel (10321)

Crônicas (22226)

Discursos (3170)

Ensaios - (9538)

Erótico (13486)

Frases (47223)

Humor (19422)

Infantil (4629)

Infanto Juvenil (3942)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1340)

Poesias (138794)

Redação (3078)

Roteiro de Filme ou Novela (1061)

Teses / Monologos (2432)

Textos Jurídicos (1946)

Textos Religiosos/Sermões (5662)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Artigos-->Brasilia Oasis da Impunidade -- 21/11/2012 - 16:49 (Antonio Jose Laurindo) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos






O nosso já agonizante 13º salário que muitos já dizem estão com os dias contados é tributado com o imposto de renda retido na fonte e mais ainda exclusivamente na fonte, é retido e não é restituível, mas nossos nobres Senadores da Republica, alem de receberem 13º Salário, também conseguiram incorporar ao longo de diversos Trens da Alegria, 14º e 15º salários, só que com uma grande diferença de nosso agonizante 13º salário o deles viraram ajuda de custo e não são tributáveis com o imposto de renda retido na fonte. Da para se conformar com um trem da alegria desse tamanho, alem de legislarem em causa própria ainda conseguem isenção de imposto, recebem liquido sem nenhum desconto. Agora vamos transformar isso em números em Reais, com o salário que ganham nossos senadores, multiplica-se por 03 ajudas de custo anuais e isso por 84 senadores, quanto a nosso bondosa e generosa Receita Federal do Brasil esta deixando de arrecadar em detrimento dos pobres mortais Brasileiros que não escapam do crivo da Legislação.



Em qualquer País sério do mundo isso já seria motivo para uma rebelião social, mas estamos no Brasil uma republica tupiniquim que acostumou-se a escândalos escabrosos que caem na vala comum do esquecimento e se tornam rotinas corriqueiras.



Enquanto o pobre do assalariado que tem seu Imposto retido na fonte no seu contra cheque a medida que seu mirrado salário ultrapassa uma determinada faixa, nossos legisladores além de aumentarem seus salários no momento em que acham conveniente e em valores astronômicos, também encontram brechas e saídas para transformar felpudos e generosos salários em ajuda de custo, para fugirem da tributação do IRRF.



A tudo isso soma-se a as verbas de Gabinete, Auxilio Moradia, Auxilio Viagens, Auxilio Paletó, Verbas para postagens, Internet, Gráfica do Senado, Passaporte Diplomático, Cartões Corporativos, Carros Oficiais, Motoristas exclusivos, mordomos, Salão de Beleza e outros benefícios intermináveis que a cada ano vão se incorporando aos já conquistados.



Brasília é hoje um Oásis para a sonegação fiscal e impunidade dos corruptos e corruptores que ali se instalaram para usurparem grande parte da arrecadação avassaladora de nossa maquina fiscal cada dia mais competente na pratica de arrecadar.



Há quantos anos ouço falar na tal Reforma Tributaria que nuca chega quando aparece algum esboço dela fica apenas em mais uma mirabolante formula de calcular Impostos que no final das contas aumenta ainda mais a carga tributaria dos contribuintes como por exemplo o tal do Simples Nacional instituído em 2007 que além de aumentar a carga tributaria dos micros e pequenos empresários, instituiu uma formula mirabolante para se chegar ao calculo do imposto, transformando a vida dos Contadores em um verdadeiro inferno burocrático.



ajotaele
Comentarios
Perfil do AutorSeguidores: 18Exibido 330 vezesFale com o autor