Usina de Letras
Usina de Letras
68 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 60375 )

Cartas ( 21289)

Contos (13387)

Cordel (10358)

Cronicas (22278)

Discursos (3194)

Ensaios - (9719)

Erótico (13520)

Frases (48273)

Humor (19560)

Infantil (4832)

Infanto Juvenil (4183)

Letras de Música (5497)

Peça de Teatro (1346)

Poesias (139389)

Redação (3121)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2438)

Textos Jurídicos (1949)

Textos Religiosos/Sermões (5814)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->sentimentos postumos -- 20/04/2003 - 02:57 (Apenas Eu) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Que sensação estranha

Nunca tinha me sentido assim

O tempo está todo nublado,

O ar meio acinzentado



Sinto-me estranho

Não sinto frio e nem calor

Pra onde será que estão me levando?

O que aconteceu??

Onde eu estou??



Só me lembro de está pegando uma arma

Que saudade da minha mãe

Que vontade de chorar

Mas o que realmente aconteceu??

Eu não consigo me lembrar



E de repente vem-me a imagem da minha irmã chorando

E uma voz que perguntava dentro de mim

“Meu filho porque você fez isso??”

E agora vejo meu pai chorando, como nunca tinha visto



E de repente me da uma vontade incontrolável de gritar

Mas eu não consigo

E uma vontade imensa de corar

Mas não tenho lagrimas



Finalmente lembrei-me do que aconteceu

Quanto arrependimento

Que vontade ver minha família

Que saudade de meu amor



Mas porque eu fiz isso??

Eu daria qualquer coisa para voltar atrás

Eu daria qualquer coisa para vê-la sorri novamente

Eu só queria uma chance

Eu daria tudo por uma chance

Comentarios
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui