Usina de Letras
Usina de Letras
24 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62480 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10471)
Erótico (13578)
Frases (50867)
Humor (20083)
Infantil (5501)
Infanto Juvenil (4822)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140912)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6251)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->O Rio que Mora Longe -- 05/02/2002 - 00:57 (Alessandro Ramos) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Antes mesmo dos primeiros raios do sol

A menina com os galos bem cedinho canta

Veste depressa seu vestido amarrotado

Pega livros e cadernos no armário

Aos berros pela casa acorda mãe e pai

Lava depressa o rosto, come qualquer coisa

Beija distraída a bochecha dos familiares

E corre caminho contrário à escola



Começa a rotineira longa jornada

Entra na floresta à meio quilometro de casa

Embrenha-se na trilha entre árvores

A passadas longas com tão curtas pernas

Parecendo que com os pássaros está a voar

Alguns dedos rechonchudos contam seus anos

Cachinhos negros encaracolados enfeitam a paisagem

Que, correndo alegre e sorridentemente, passa sem visar



Todo o encanto de toda a curta vida

Flui em abundância no centro da floresta

O esforço merecido da corrida não cansa mais

Ao parar no destino onde queria chegar

Os olhos pretos esbugalhados lacrimejam novamente

Ao olhar o rio que corre em meio à mata



Antes de iniciar a corrida para a escola

A menina debruça em seu leito e admira

Água tanta que parece nunca acabar

Só os animais dela bebem

Poucos sabem de sua existência

Apenas a menina o contempla

E vê todos os dias o amor passar

Nas águas do rio que mora longe









Correio Eletrônico - frustrado@pop.com.br

Visitem meu blogue!

www.alessandroramos.blogger.com.br
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui